Lollapalooza Chicago vai ser retomado em 2021, com edição em julho e agosto

Vacinação e queda dos casos renovam as esperanças da indústria do entretenimento, que sofreu muitas perdas em 2020

Show da cantora Ariana Grande no Lollapalooza Chicago em 2019
Show da cantora Ariana Grande no Lollapalooza Chicago em 2019 Foto: Kevin Mazur/Getty Images for AG

Omar Jimenez, da CNN

Ouvir notícia

O Lollapalooza, famoso festival de música de Chicago, está de volta ainda em 2021, com capacidade total no mês de julho, anunciou a cidade em um comunicado nesta terça-feira (18).

Para conseguir entrar nos shows, os participantes devem estar totalmente vacinados e os não vacinados devem apresentar um teste Covid-19 negativo antes de comparecer ao festival.

“Aqui em Chicago, a palavra ‘Lollapalooza’ sempre foi sinônimo de verão, boa música e quatro dias de diversão inesquecível – o que tornou a decisão do ano passado de adiá-la ainda mais difícil”, disse o prefeito de Chicago, Lori Lightfoot, no comunicado, fazendo referência ao cancelamento do evento em 2020 em decorrência da pandemia.

 

“Agora, menos de um ano depois e armados com uma vacina que é segura, eficaz e amplamente disponível, podemos trazer de volta um dos festivais de música de verão mais icônicos de nossa cidade”, acrescentou Lightfoot.

 

(Texto traduzido. Leia o original em inglês).

Mais Recentes da CNN