Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Membros do BTS vão prestar o serviço militar obrigatório

    Serviço militar é obrigatório na Coreia do Sul, onde quase todos os homens aptos são obrigados a servir no exército por 18 meses aos 28 anos

    Espera-se que o BTS se reúna como um grupo por volta de 2025, de acordo com a BIGHIT Music
    Espera-se que o BTS se reúna como um grupo por volta de 2025, de acordo com a BIGHIT Music FilmMagic

    Yoonjung SeoAmy Woodyattda CNN

    Os membros do BTS, o supergrupo de K-pop, estão planejando prestar o serviço militar, confirmou a gravadora da banda nesta segunda-feira (17). Jin, o membro mais velho, deve iniciar o processo no final do mês.

    O serviço militar é obrigatório na Coreia do Sul, onde quase todos os homens aptos são obrigados a servir no exército por 18 meses aos 28 anos.

    O parlamento da Coreia do Sul aprovou um projeto de lei em 2020 permitindo que estrelas pop – ou seja, aquelas que “se destacam em cultura e arte populares” – adiem seu serviço até os 30 anos.

    Com Jin completando 30 anos este ano, e o anúncio da banda de uma pausa em junho das atividades musicais do grupo para buscar projetos solo, os membros agora estão fazendo planos para servir.

    Espera-se que o BTS se reúna como um grupo por volta de 2025, de acordo com a BIGHIT Music.

    A gravadora disse que está analisando o momento do serviço militar da banda, “para respeitar as necessidades do país e para esses jovens saudáveis”, e disse que a hora é “agora”.

    “O membro do grupo Jin iniciará o processo assim que sua agenda para seu lançamento solo for concluída no final de outubro. Ele seguirá o procedimento de alistamento do governo coreano”, disse a gravadora, acrescentando: “Outros membros do grupo planejam realizar seu serviço militar com base em seus próprios planos individuais”.

    O ministro da Defesa do país disse em agosto que o BTS ainda pode se apresentar no exterior enquanto serve nas forças armadas, informou a agência de notícias Reuters.

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original