Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    Mulher de Bruce Willis implora que paparazzi não gritem para falar com seu marido nas ruas

    Ela fez um apelo emocionado em um vídeo compartilhado no Instagram dizendo que “ainda é preciso ter muita educação” para com pessoas que vivem com demência

    Bruce Willis / Reprodução

    Da CNN

    A mulher de Bruce Willis, a modelo Emma Heming Willis, pediu que paparazzi mantenham distância e parem de gritar para falar com o astro de “Duro de Matar” quando o virem em público.

    Ela fez um apelo emocionado em um vídeo compartilhado em seu perfil do Instagram no fim de semana, dizendo que “ainda é preciso ter muita educação” para com pessoas que vivem com demência. A família do astro anunciou em fevereiro que o ator sofre de uma forma de demência chamada demência frontotemporal, ou abreviada como FTD.

    Relatando um incidente recente em que os fotógrafos tentaram falar com o ator enquanto ele fazia uma rara aparição pública para encontrar amigos para um café em Santa Mônica, a modelo  observou como “pode ser difícil e estressante tirar alguém daquele mundo e faze-los navegar com segurança.”

    “Esta vai para os fotógrafos e para o pessoal do vídeo que está tentando divulgar exclusivamente coisas do meu marido: apenas mantenha distância”, disse ela no vídeo.

    “Eu sei que este é o trabalho de vocês, mas talvez apenas preservem o espaço dele”, disse Emma, que continuou.

    “Para o pessoal do vídeo, por favor, não grite com meu marido perguntando como ele está ou o que quer que seja – o ‘woohoo’-ing e o ‘yippee ki-yays’ … apenas não faça isso. OK? Dê a ele seu espaço. Permitir que nossa família ou quem estiver com ele naquele dia possa levá-lo do ponto A ao ponto B com segurança.”

    Heming Willis acrescentou na legenda do vídeo: “Para outros cuidadores ou especialistas em demência navegando neste mundo… Alguma dica ou conselho sobre como levar seus entes queridos para o mundo com segurança? Por favor, compartilhe abaixo.”

    Heming Willis e Willis, 67, se casaram em 2009 e têm duas filhas, Mabel e Evelyn.

    eu pedido vem semanas depois que a família de Willis anunciou que seu distúrbio de fala, afasia, havia progredido para uma forma de demência chamada demência frontotemporal, ou FTD.

    “Hoje não há tratamentos para a doença, uma realidade que esperamos que possa mudar nos próximos anos. À medida que a condição de Bruce avança, esperamos que qualquer atenção da mídia possa se concentrar em lançar uma luz sobre esta doença que precisa de muito mais conscientização e pesquisa”, disseram eles no mês passado em uma atualização compartilhada online.

    De acordo com a Associação de Alzheimer, FTD refere-se a “um grupo de distúrbios causados ​​pela perda progressiva de células nervosas nos lobos frontais do cérebro (as áreas atrás da testa) ou em seus lobos temporais”. Essas áreas do cérebro geralmente estão associadas à personalidade, comportamento e linguagem.