Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    Nicholas Galitzine diz que não quer mais fazer papéis de mocinho romântico

    Com dois príncipes em seu currículo, ator quer papéis de maior profundidade no futuro

    Nicholas Galitzine
    Nicholas Galitzine Michael Kovac/Getty Images for STARZ

    Fernanda Pinottida CNN

    em São Paulo

    O ator Nicholas Galitzine, mais conhecido por interpretar o príncipe Henry em “Vermelho, Branco e Sangue Azul” disse que quer “se afastar dos papéis de protagonista romântico”.

    Com dois príncipes em seu currículo (o outro em “Cinderela”, de 2021), o ator parece não querer mais fazer papéis de mocinho, segundo entrevista ao The New York Times.

    “As pessoas realmente só querem ver você interpretar a mesma coisa, até que você possa mostrar algo diferente a elas”, explicou Galitzine na entrevista

    O ator disse que se surpreende por ter sido escalado para tantos papéis românticos: “Se eu tivesse que fazer um elogio a mim mesmo, uma coisa que faço bem é criar a sensação de química.”

    Mas acrescenta: “Só porque você é bom em algo não significa que encontre um propósito naquilo.”

    Em seu filme mais recente, interpretando Hayes Campbell, o líder de uma boyband que se envolve com a mãe de uma de suas fãs na comédia romântica “Uma Ideia de Você”, Galitzine já tentou explorar em sua atuação algo além de um galã carismático. Segundo ele, a característica do personagem que mais o interessou foi a “claustrofobia da fama”.

    Após a minissérie histórica “Mary&George”, na qual Galitzine interpreta George Villiers, o amante do rei James I, o ator acredita estar conseguindo mudar a maneira como Hollywood o enxerga.

    “Estou conseguindo ter contato com diretores que não teriam se interessado por mim antes”, disse na entrevista ao The New York Times. “Isso me deu um senso de legitimidade que nunca senti.”

    “Estou um pouco como uma criança em uma loja de doces”, acrescentou, se referindo às novas propostas que tem recebido.