Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    Quem é Paris Jackson; tatuagens da filha de Michael Jackson sumiram no Grammy

    Modelo cobriu suas mais de 80 tatuagens em parceria com a marca de maquiagem CoverFx para o tapete vermelho do evento

    Conheça Paris Jackson, filha do meio de Michael Jackson.
    Conheça Paris Jackson, filha do meio de Michael Jackson. Reprodução/ Instagram

    Fernanda Pinottida CNN

    em São Paulo

    A modelo e atriz Paris Jackson, filha de Michael Jackson, chamou atenção no Grammy deste ano não por suas tatuagens, mas pela ausência delas.

    Paris cobriu suas mais de 80 tatuagens em parceria com a marca de maquiagem CoverFx. Num processo que durou apenas duas horas e dois maquiadores, sua pele foi pintada e pulverizada com uma cor marfim semelhante ao seu tom natural.

     

    No tapete vermelho, seu corpo – antes um bloco de rabiscos de tinta colorida e linhas pretas – se tornou uma impressionante tela em branco, enfatizada por um vestido justo e assimétrico.

    Quem é Paris Jackson, a filha do meio de Michael Jackson?

    Paris tem ganhado relevância como ícone fashion nos últimos anos. A modelo de 25 anos é a filha do meio de Michael Jackson, fruto de seu antigo relacionamento com a enfermeira Debbie Rowe.

    Paris perdeu o pai quando tinha apenas 11 anos, e é a única dos filhos do rei do pop a seguir seus passos no mundo da música.

    Ela nasceu em 3 de abril de 1998, um ano depois do nascimento de Michael Joseph Jackson Jr., mais conhecido como Prince Jackson, o filho mais velho de Michael e Rowe.

    O casal se separou em 1999 e Michael ficou com a custódia total dos filhos, que cresceram no rancho de Neverland.

    O filho caçula de Michael, conhecido como Bigi Jackson, mas batizado como Prince Michael Jackson II, nasceu três anos depois através de uma barriga de aluguel.

    Modelo, atriz e cantora

    Dos três filhos do rei do pop, Paris é a única que abraçou a vida pública.

    Desde a adolescência ela trabalha como modelo e já estampou diversas capas de revista, além de ter desfilado em marcas conhecidas da alta costura, como Jean Paul Gaultier.

    Sua estreia como atriz aconteceu em 2016, na série “Star”, da Fox. Paris também participou das séries “Gringo”, em 2018, “American Horror Stories” e “Habit”, em 2021, “Sex Appeal”, em 2022, e “Swarm”, em 2023.

    Na carreira musical, ela se aventurou na dupla The Soundflowers, com seu então namorado Gabriel Glenn. Os dois se separaram em 2020.

    Em 2021, Paris lançou seu primeiro álbum de estúdio sozinha — “Wilted”.

    Sua paixão por tatuagens

    Ao completar 18 anos, Paris Jackson já tinha ao menos 50 tatuagens estampando sua pele. Algumas delas são homenagens ao seu pai, como a capa do álbum “Dangerous” de 1991, e as palavras “queen of my heart” (rainha do meu coração, em português) escritas com a letra de Michael.

    Durante a pandemia de Covid-19, com os estúdios de tatuagem fechados, ela decidiu tomar a iniciativa em suas próprias mãos e postou vídeos seus fazendo novas tatuagens em sua própria pele.

    Provavelmente foi por isso que ela foi escolhida para a parceria com a CoverFx, cobrindo suas mais de 80 tatuagens na 65ª edição do Grammy.

    Ativismo

    Paris Jackson também se considera uma ativista e filantropa, principalmente pela causa animal no meio da moda.

    Em 2018, ela chegou a deixar um desfile da Dior no meio do evento, pois a marca usou cavalos durante a apresentação.

    Em uma entrevista à revista People em 2017, Paris explicou que o ativismo foi o principal motivo dela ter decidido abraçar a vida pública, já que antes pensava em se tornar psicóloga ou enfermeira.

    “Percebi que seria uma pena desperdiçar a plataforma que me foi dada”, disse ela. “Tendo a capacidade de entrar no mundo da atuação e da moda, descobri por que não usar isso para tornar minha plataforma maior. Dessa forma, em vez de ajudar o mundo um por um com os pacientes, eu poderia ajudar as massas.”