Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    Silvia Abravanel revela ter levado bronca de Maisa em primeiro dia de gravação

    Filha de Silvio Santos era diretora do programa apresentado pela estrela mirim

    Silvia Abravanel em entrevista ao podcast "Podpah"
    Silvia Abravanel em entrevista ao podcast "Podpah" Reprodução/YouTube

    Lyncon Pradellacolaboração para a CNN

    Florianópolis

    A apresentadora e diretora Silvia Abravanel, de 52 anos, revelou em entrevista ao podcast “Podpah”, na última terça-feira (15), que ficou sem reação ao receber uma bronca da também apresentadora Maisa, na época com cinco anos e em início de carreira.

    Responsável pela atração infantil, a filha de Silvio Santos relatou que chegou um pouco atrasada ao estúdio e foi repreendida por Maisa.

    “Recebi a maior bronca da vida no primeiro dia de gravação. Ela [Maisa] falou: ‘Escuta aqui: sou a apresentadora e você é a diretora. Você tinha que chegar primeiro que eu'”, contou.

    “Fiquei sem reação. Falei: ‘desculpa, Maisa’. Na verdade, eu já estava na emissora. Havia chegado bem antes e estava na sala [de produção], mas ainda não tinha descido para o estúdio. Naquele dia, todo mundo ficou me olhando. ‘Levando bronca de uma criaturinha'”, acrescentou Silvia.

    Segundo a própria diretora, apesar da surpresa, a bronca não afetou a relação entre ela e Maisa. “Ela era muito responsável, mas não tinha filtro, não tinha papas na língua. As pessoas ficaram enlouquecidas com a Maisa desde a estreia”, completou.

    Silvia, inclusive, cuidava da alimentação da apresentadora mirim, sem interferência dos pais Gislaine e Celso. “Tive que cuidar da nutrição dela. Porque, às 7h, ela estava tomando refrigerante e comendo um sanduichão de mortadela. Fui mudando a alimentação dela, mas ela era muito incisiva e muito bravinha”, contou.

    Por fim, ela revelou que Silvio Santos foi o responsável por determinar o look de Maisa.”Silvio Santos inventou o visual às 17h30, de sexta, e a estreia seria no dia seguinte, às 7h. Ele queria o visual de Shirley Temple. Ela tinha um cabelão e não deixava cortar, então tínhamos que deixá-la na preparação por quatro horas fazendo o cabelo”.