‘Vacinado’: Valentino faz moletom de US$ 690 para apoiar vacinação contra Covid

Os rendimentos irão para o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), para apoiar seu trabalho com a plataforma global de compartilhamento de vacinas Covax

Foto de divulgação de moletom produzido pela grife Valentino a favor da vacinação contra Covid-19
Foto de divulgação de moletom produzido pela grife Valentino a favor da vacinação contra Covid-19 22/09/2021 Valentino/Divulgação via REUTERS

da Reuters

Ouvir notícia

A marca de luxo Valentino está produzindo uma edição limitada de moletom com a inscrição “(V) Vacinado”, de US$ 690 cada, usando seu logotipo com a assinatura V em apoio à campanha de vacinação contra Covid-19, com recursos doados ao Unicef.

Os moletons pretos, com a palavra “vacinado” em vermelho no peito, foram criados por uma pequena empresa de Los Angeles chamada Cloney, sem que a marca italiana soubesse deles.

Quando o estilista da Valentino, Pierpaolo Piccioli, soube da iniciativa, decidiu comprar todos os 5 primeiros moletons disponíveis e dar de presente a amigos, incluindo Lady Gaga, disse Valentino em um comunicado.

Em seguida, ele passou a produzir uma série de moletons para serem vendidos no site da Valentino a partir de 23 de setembro. Os rendimentos irão para o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), para apoiar seu trabalho com a plataforma global de compartilhamento de vacinas Covax, que está focada em obter vacinas contra a Covid para países mais pobres.

“Ser vacinado se tornou a forma mais eficaz de combater esta pandemia global, bem como um símbolo de respeito aos outros e responsabilidade social”, disse Piccioli.

 

Mais Recentes da CNN