Violonista Sebastião Tapajós morre aos 79 anos

Paraense, Tapajós possui mais de 60 discos lançados

O governador do Pará, Helder Barbalho (MDB), declarou luto oficial de três dias no estado
O governador do Pará, Helder Barbalho (MDB), declarou luto oficial de três dias no estado Reprodução/Redes Sociais

Nathallia Fonsecada CNN

São Paulo

Ouvir notícia

O violonista Sebastião Tapajós, incluso entre os maiores músicos do mundo, faleceu na noite do sábado (2), vítima de um infarto. Paraense, Tapajós possui mais de 60 discos lançados.

De acordo com informações da unidade de saúde à imprensa, o artista deu entrada no Hospital Unimed Oeste, na cidade de Santarém-PA, no início da noite, já apresentando sintomas típicos de infarto agudo do miocárdio. A morte foi atestada às 19h30.

No Twitter, o governador do Pará, Helder Barbalho (MDB), declarou luto oficial de três dias no estado. “Acabo de receber a triste notícia do falecimento de Sebastião Tapajós. Nascido em Alenquer, foi considerado um dos maiores violonistas do mundo. Meus profundos sentimentos à família e amigos de nosso eterno Tião!”, diz a publicação.

 

Tópicos

Mais Recentes da CNN