NBA: Houston Rockets troca James Harden com o Brooklyn Nets


Homero De La Fuente e George Ramsay, da CNN
14 de janeiro de 2021 às 13:30
Depois de 10 anos no Houston Rockets, James Harden foi trocado com Brooklyn Nets
Depois de 8 anos jogando pelo Houston Rockets, James Harden foi trocado com o Brooklyn Nets
Foto: Reprodução/jharden13/Facebook

O Houston Rockets anunciou nesta quinta-feira (14) a troca do superastro da equipe, James Harden, de 31 anos, com o Brooklyn Nets – em um acordo envolvendo, ao todo, três times da NBA, a liga norte-americana de basquete.

Em troca de Harden, o Houston receberá Caris LeVert e Rodions Kurucs do Nets, Dante Exum do Cleveland Cavaliers, três escolhas de primeira rodada no draft da NBA que eram do Nets, uma escolha de primeira rodada do draft que era do Cavaliers via Milwaukee Bucks, e quatro trocas na primeira rodada do Nets.

Em um acordo separado, o Houston trocará LeVert e uma escolha de segunda rodada com o Indiana Pacers, de quem receberá o ala-armador Victor Oladipo – escolhido duas vezes para o All-Star game da NBA –, segundo Shams Charania, do The Athletic.

Harden, que já foi escolhido oito vezes para o time All-Star Game da NBA, foi adquirido pelo Rockets do Oklahoma City Thunder em 2012.

Enquanto esteve em Houston, Harden foi eleito o melhor jogador da liga na temporada 2017-18 e levou o Rockets aos playoffs em todas as oito temporadas.

"Adicionar um jogador como James ao nosso elenco posiciona melhor nossa equipe para competir contra os melhores da liga", disse o gerente-geral do Nets, Sean Marks.

"James está entre os principais pontuadores e criadores de jogadas mais prolíficos do nosso jogo, e estamos entusiasmados em trazer seus talentos especiais para o Brooklyn."

A troca acontece na mesma semana em que Harden criticou os Rockets.

"Não somos bons o suficiente – obviamente, em termos de química, em termos de talento, em tudo – e ficou claro nos últimos jogos", disse Harden.

"Eu amo essa cidade. Eu literalmente fiz tudo que podia. Quer dizer, essa situação, é uma loucura. É algo que eu não acho que possa ser consertado."

Os comentários no pós-jogo foram os últimos de uma série de comportamentos negativos da estrela descontente, depois de chegar atrasado ao campo de treinamento da equipe e, em seguida, ser afastada por quatro dias e ser multado em US$ 50 mil pela NBA por violar os protocolos de saúde e segurança da liga dias antes o início da temporada.

O ex-MVP agora se reúne com o ex-companheiro de equipe do Thunder, Kevin Durant, e com armador Kyrie Irving, no Brooklyn.

Adiamento de partidas

A NBA anunciou na quarta-feira (13) que adiaria seu nono jogo da temporada.

Dois jogos marcados para sexta-feira (15), entre o Phoenix Suns e o Golden State Warriros e o Washington Wizards e Detriot Pistons, foram adiados porque em razão do rastreamento contínuo de contato (com casos de Covid-19) tanto o Suns quanto o Wizards não teriam o mínimo de oito jogadores necessários seus os jogos.

Desde 6 de janeiro, 16 jogadores da NBA testaram positivo para Covid-19.

A liga anunciou na terça-feira (12) que adotou protocolos de saúde e segurança mais rígidos para combater a propagação do vírus.

(Texto traduzido; leia o original em inglês)