Polícia diz que Tiger Woods não enfrentará acusações por acidente em Los Angeles

Investigadores concluíram que capotagem foi acidente; astro do golfe está acordado depois de passar por cirurgia

da CNN*
24 de fevereiro de 2021 às 18:45 | Atualizado 24 de fevereiro de 2021 às 18:46

 

A capotagem que feriu gravemente o jogador de golfe Tiger Woods perto de Los Angeles na terça-feira (23) foi um acidente e os investigadores não farão nenhuma acusação contra ele, disse o xerife do condado de Los Angeles, Alex Villanueva, nesta quarta (24). 

"Não contemplamos nenhuma acusação nesta batida", disse Villanueva em conferência no Facebook Live. "Isso continua como um acidente. Um acidente não é um crime, eles acontecem, infelizmente". 

Woods está "acordado, responsivo e em recuperação" no hospital após passar por uma grande cirurgia, de acordo com uma nota publicada no Twitter nesta madrugada. 

Jogador de golfe Tiger Woods sofre grave acidente de carro nos Estados Unidos (23.fev.2021)
Foto: CNN Brasil

O atleta de 45 anos estava dirigindo pouco depois das 7h (13h no horário de Brasília) em Rancho Palos Verdes quando o SUV dele atracessou um canteiro e rodou por duas faixas antes de atingir uma sarjeta, uma árvore e virar de lado contra um arbusto, descreveu Villanueva na terça. 

Woods manteve a consciência, mas teve lesões sérias na perna. Ele passou por uma cirurgia de emergência na parte inferior da perna esquerda e no tornozelo. 

O acidente é um grande revés para as esperanças de Woods de retornar ao esporte e acontece um mês depois de passar pela sua quinta cirurgia na coluna. 

Tiger Woods
Foto: Instagram/Reprodução

 (*Com informações de Cheri Mossburg, Eric Levenson, Madeline Holcombe e Stella Chan, da CNN)