África do Sul deve paralisar eventos esportivos devido à nova variante

Atletas de rugby e golfe deixam o país antes que restrições de viagem entrem em vigor

Partida de rugby na África do Sul em julho deste ano
Partida de rugby na África do Sul em julho deste ano Reuters

Da Reuters

Ouvir notícia

O esporte sul-africano foi paralisado nesta sexta-feira (26 )devido à detecção de uma nova variante do coronavírus, com as equipes de rúgbi lutando para deixar o país antes que as restrições de viagem sejam impostas. O primeiro evento do novo DP World Tour do golfe está sob ameaça.

Quatro times de rúgbi deveriam enfrentar adversários sul-africanos no United Rugby Championship, mas os clubes galeses de Cardiff e Scarlets disseram que pretendem voltar para casa, antes que as restrições de viagem impostas pelo Reino Unido entrem em vigor.

“Com a situação na África do Sul mudando tão rapidamente, estamos procurando repatriar nossa equipe o mais rápido possível”, informou o Cardiff no Twitter.

“Para famílias e amigos preocupados, tenham a certeza de que nosso foco é garantir a segurança e o bem-estar de nosso pessoal e mantê-los atualizados sobre quaisquer desenvolvimentos”, concluiu o time.

Scarlets disse que também estava tentando sair o mais rápido possível. “Seguindo a notícia de uma nova variante dde Covid-19 na África do Sul, Scarlets garantie às famílias e amigos que estamos fazendo todos os esforços para trazer nosso time de volta para casa o mais rápido possível”.

Os jogadores de golfe britânicos também desistiram do Open Joburg, o primeiro evento do DP World Tour de golfe, que começou nesta semana.

Mais Recentes da CNN