Em jogo disputado, Bia Haddad vence e vai à final de duplas do Australian Open

Com a vitória, a tenista de 25 anos melhora sua já histórica campanha e torna-se a 1ª brasileira a chegar a uma decisão do Grand Slam na era aberta

Beatriz Haddad Maia em jogo que a levou até as semifinais de duplas no Australia Open
Beatriz Haddad Maia em jogo que a levou até as semifinais de duplas no Australia Open Robert Prange/Getty Images

Henrique Andradeda CNN

Sâo Paulo

Ouvir notícia

A tenista brasileira Bia Haddad Maia e a cazaque Anna Danilina derrotaram as japonesas Shuko Aoyama e Ena Shibahara na noite desta quarta-feira (26) e avançaram à final do Aberto da Austrália.

Com a vitória, Bia melhora sua já histórica campanha e torna-se a 1ª brasileira a chegar a uma decisão do Grand Slam na era aberta, que começou em 1968. A lendária Maria Esther Bueno foi campeã nas duplas na Austrália em 1960.

A brasileira e a cazaque venceram a dupla cabeça de chave número 2 do torneio por 2 sets a 1 com parciais de 6/4, 5/7 e 6/4 em 2 horas e 18 minutos.

Na final, Bia Haddad e Anna Danilina vão enfrentar a dupla vencedora do duelo entre B. Krejcikova/K. Siniakova e V. Kudermetova/E. Mertens. A decisão está prevista para a madrugada do próximo domingo (30).

A campanha da tenista de 25 anos consolida o bom momento do tênis feminino brasileiro após o bronze olímpico em Tóquio, também nas duplas.

Mais Recentes da CNN