Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Fundo do Bahrein tem negociações avançadas para compra do Milan

    Tradicional clube de futebol foi comprado em 2018 pela empresa americana Elliott Management Corporation

    Imagem de arquivo das chuteiras de David Beckham no AC Milan durante uma partida da Série A contra a Fiorentina no estádio San Siro, em Milão
    Imagem de arquivo das chuteiras de David Beckham no AC Milan durante uma partida da Série A contra a Fiorentina no estádio San Siro, em Milão REUTERS/Stefano Rellandini/Archivo

    Simon Evansda Reuters

    Manchester

    Ouvir notícia

    A gestora de ativos Investcorp entrou em negociações exclusivas para comprar o clube italiano AC Milan, disse uma fonte próxima ao negócio à Reuters nesta sexta-feira (15). A fonte disse que o acordo para comprar o clube da Série A dos atuais proprietários Elliott Management Corporation estaria perto de ser concluído.

    A Investcorp, domiciliada no Bahrein e com escritórios em todo o mundo, é uma gestora de ativos com linhas de negócios que incluem patrimônios privados, imóveis, investimentos de retorno absoluto, infraestrutura, gestão de crédito e capital estratégico. Ela administra mais de US$ 42 bilhões em ativos.

    A empresa americana Elliott Management Corporation assumiu o Milan, sete vezes campeão europeu, em 2018.

    A Investcorp e a Elliott não comentaram quando contatadas pela Reuters.

    Um porta-voz do Milan disse à Reuters: “O Milan continua focado em melhorar seu desempenho em campo e desenvolver o clube”. O clube venceu a Série A, a liga italiana, 18 vezes, mas não é campeão desde 2011 – o clube está atualmente no topo da tabela.

    A Investcorp, cujo presidente executivo é Mohammed Alardhi, tem escritórios em Nova York, Londres, Suíça, Riad, Bahrein, Abu Dhabi, Doha, Mumbai, Pequim e Cingapura.

    Na última década, vários dos principais clubes italianos foram comprados por investidores estrangeiros.

    A Inter de Milão é de propriedade da empresa chinesa Suning Holdings Group e da empresa americana The Friedkin Group, dona da AS Roma, enquanto a Fiorentina e a Atalanta também são de propriedade americana.

    Investidores do Oriente Médio assumiram o controle de vários grandes clubes europeus, com a Qatari Sports Investments, proprietária do Paris St Germain e o Manchester City, controlado pelo Abu Dhabi United Group.

    O Fundo de Investimento Público da Arábia Saudita assumiu uma participação majoritária no Newcastle United, clube da Premier League, em outubro.

    A Investcorp Holdings está domiciliada no Reino do Bahrein como uma empresa acionária do Bahrein, mas saiu da bolsa do Bahrein no ano passado.

    Mais Recentes da CNN