“Garota de ouro” do snowboard, norte-americana Chloe Kim mantém título olímpico

Kim, que aos 17 anos se tornou a mulher mais jovem a ganhar o ouro olímpico no snowboard em 2018, voltou com estilo depois de quase dois anos fora das pistas

Norte-americana Chloe Kim comemora medalha de ouro conquistada na Olimpíada de Inverno Pequim 2022
Norte-americana Chloe Kim comemora medalha de ouro conquistada na Olimpíada de Inverno Pequim 2022 10/02/2022 REUTERS/Mike Blake

Winni Zhouda Reuters

Em Zhangjiakou

Ouvir notícia

A norte-americana Chloe Kim consolidou sua posição como uma das maiores do snowboard feminino com uma performance impressionante nesta quinta-feira (10) para ganhar o ouro no halfpipe nos Jogos de Inverno e defender com sucesso seu título olímpico de 2018.

A jovem de 21 anos se destacou das rivais na primeira descida, conquistando uma pontuação de 94 ao aterrissar com giro de 180 graus. A espanhola Queralt Castellet não conseguiu alcançar Kim e teve que se contentar com a prata, enquanto Sena Tomita, do Japão, conquistou a medalha de bronze.

Kim, que aos 17 anos se tornou a mulher mais jovem a ganhar o ouro olímpico no snowboard nos Jogos de Pyeongchang em 2018, voltou com estilo depois de quase dois anos fora das pistas.

Depois de sua primeira descida, Kim colocou as mãos em seu capacete preto e caiu de joelhos na neve, muito feliz por ter acertado o que ela chamou de “descida de segurança”.

“Eu estava tão orgulhosa de mim mesma”, disse Kim sobre sua primeira descida, acrescentando que ela teve uma sessão de treinos terrível, em que caiu duas vezes antes da final desta quinta-feira, que inicialmente a colocou em um “lugar desconfortável”.

“Eu estava transbordando de emoções quando consegui pousar na primeira tentativa.”

Mais Recentes da CNN