Grêmio pode ser rebaixado para Série B nesta segunda; entenda cenário

Se Juventude e Cuiabá pontuarem nos confrontos contra São Paulo e Fortaleza, respectivamente, equipe gaúcha estará matematicamente na segunda divisão do ano que vem

Foto ilustrativa da camisa do Grêmio.
Foto ilustrativa da camisa do Grêmio. Foto: Grêmio

Leonardo Lopesda CNN

em São Paulo

Ouvir notícia

Os jogos que completam a 37ª e penúltima rodada do Brasileirão, nesta segunda-feira (6), podem selar o destino do Grêmio e rebaixar a equipe gaúcha para a Série B pela terceira vez em sua história.

De acordo com a probabilidade estimada por um grupo de professores do Departamento de Matemática da UFMG, as chances do Grêmio repetir as quedas de 1991 e 2004 são, neste momento, de 97,5%.

Veja como ficou a tabela do Campeonato Brasileiro após os jogos de domingo da 37ª rodada

Após empatar com o Corinthians neste domingo (5), o tricolor gaúcho está na 18ª colocação da tabela com 40 pontos, atrás de Bahia, Juventude e Cuiabá – que somam 43 pontos cada um.

Juventude e Cuiabá têm jogos, nesta segunda-feira (6), na disputa direta para fugir das últimas vagas da degola. O Juventude enfrenta o São Paulo, no Morumbi, às 19 horas. Já o Cuiabá joga em casa, na Arena Pantanal, contra o Fortaleza, às 20 horas.

Caso Juventude e Cuiabá empatem ou vençam, irão ultrapassar a marca dos 43 pontos e matematicamente rebaixar o Grêmio a uma rodada do fim do Brasileirão, que se encerra na próxima quinta (9).

O cenário do milagre

Para arrancar uma salvação do rebaixamento, o Grêmio depende de uma série de resultados.

Além de torcer para que Juventude ou Cuiabá percam nesta segunda-feira (6), os gremistas precisam vencer na 38ª rodada em casa o campeão Atlético-MG – partida que acontece às 21h30 de quinta-feira (9).

Por fim, o Grêmio precisaria secar seus adversários também na noite de quinta-feira. Seriam necessárias pelo menos duas derrotas entre os jogos do Bahia, que encara o Fortaleza no Castelão, Juventude, que joga contra o Corinthians no Alfredo Jaconi, e Cuiabá, que enfrenta o Santos na Vila Belmiro.

De acordo com os matemáticos da UFMG, neste momento, o Bahia tem 55,5% de chances de cair para a Série B, o Cuiabá tem 23,4% e o Juventude, 20,4%.

Os únicos clubes que já estão confirmados na segunda divisão de 2022 são Sport e Chapecoense.

Mais Recentes da CNN