Jogadores do Flamengo são hostilizados na porta do CT do Ninho do Urubu

Time chegou para treinar nesta sexta-feira e foi recebido sob protestos de dezenas de torcedores

Policial conversa com torcedores do Flamengo durante protestos no Ninho do Urubu
Policial conversa com torcedores do Flamengo durante protestos no Ninho do Urubu Isabelle Costa | S1 LIVE

Camile CoutoIuri Corsinida CNN

Rio de Janeiro

Ouvir notícia

O ambiente não está favorável no Centro de Treinamento do Ninho do Urubu, na zona oeste do Rio de Janeiro. Após diversas críticas em relação ao desempenho da equipe dentro de campo, os torcedores foram, nesta sexta-feira (8), na porta do CT e protestaram de forma acintosa quando os atletas chegaram para treinar.

Sob diversos xingamentos e palavras de ordem, os rubro-negros chutaram, socaram e até mesmo subiram em carros de alguns dos atletas. Um dos craques do time, Arrascaeta foi poupado da ira da torcida e chegou sob aplausos no Ninho.

Algumas faixas foram estendidas na entrada do CT. Uma delas dizia: “Se damos a vida, exigimos que vocês deem o sangue”. O Flamengo faz nesta manhã seu último treino no Rio antes de embarcar, ainda nesta tarde, para Goiânia.

A CNN entrou em contato com o Flamengo e aguarda posicionamento.

No sábado (9), o time faz sua estreia no Campeonato Brasileiro contra o Atlético-GO.O rubro-negro recentemente perdeu a final do Campeonato Carioca para seu rival Fluminense e amargou o 4º vice-campeonato seguido.

Foi vice da Libertadores e do Brasileirão, no ano passado, da final da Supercopa do Brasil, disputada em fevereiro deste ano, e agora do Carioca.

Em sua estreia na principal competição de 2022, o Flamengo venceu fora de casa o time do Sporting Cristal, no Peru, na última terça-feira (5), por 2 a 0. Porém, a atuação voltou a não agradar a torcida e o clima segue sendo de muita tensão.

Mais Recentes da CNN