Título de 2021 será o 21º de brasileiros na Libertadores; relembre os campeões

Brasil tem três tricampeões da competição e ganhará o quarto na final deste sábado (27)

Brasil é o segundo país com o maior número de vencedores da Libertadores; argentinos lideram
Brasil é o segundo país com o maior número de vencedores da Libertadores; argentinos lideram Conmebol Libertadores/ Twitter

Raphael Coraccinida CNN

Em São Paulo

Ouvir notícia

A final da Libertadores deste sábado já garantiu ao Brasil o vigésimo primeiro título da sua história na competição. Resta saber quem será o tricampeão da vez, Palmeiras ou Flamengo. Grêmio, São Paulo e Santos já alcançaram a marca.

O time do Rio de Janeiro foi campeão em 1981, na era Zico, e em 2019, quando Gabigol fez dois gols em uma final heroica contra o então campeão River Plate.

O Palmeiras é o atual campeão, tendo vencido o arquirrival Santos em janeiro deste ano pela edição de 2020. O primeiro título veio em 1999, com vitória sobre o Deportivo Cali, da Colômbia, nos pênaltis.

O Santos foi o primeiro brasileiro a conquistar a Libertadores, tendo vencido as edições de 1962 e 1963 na Era Pelé, e voltando a vencer em 2011, com Neymar e companhia.

O São Paulo também emplacou dois título seguidos, em 1992 e 1993, com a geração de Müller e Raí. Em 2005,  Rogério Ceni liderou a aquipe ao tri.

O Grêmio venceu em 1983, com Renato Gaúcho, hoje técnico do Flamengo. Em 1995, Paulo Nunes e Jardel formaram um ataque decisivo. Em 2017, renato voltou para ganhar um novo título, dessa vez como técnico, enquanto Luan comandou a equipe dentro do campo.

O Internacional saiu atrás do rival gaúcho nas conquistas internacionais, mas encostou depois de buscar dois títulos, em 2006 e 2010, com Fernandão como destaque no primeiro título e Giuliano no segundo.

Em Minas Gerais, o Cruzeiro conquistou o campeonato por duas vezes, em 1976, com Palhinha e Jairzinho, e em 1997, tendo Marcelo Ramos entre os melhores jogadores da competição.

Com um título estão Atlético-MG, Corinthians e Vasco.

Em 1998, Juninho Pernambucano, Luizão e Donizete “Pantera” lireram o Vasco ao título.  Em 2012, o Corinthians tornou-se o último paulista campeão continental após atuação de gala de Emerson Sheik na reta final da competição. E, no ano seguinte, o Atlético-MG venceu tendo Ronaldinho Gaúcho como principal estrela do time.

Confira a lista:

  • Grêmio – 3 títulos (1983, 1995 e 2017)
  • São Paulo – 3 títulos (1992, 1993 e 2005)
  • Santos – 3 títulos (1962, 1963 e 2011)
  • Cruzeiro – 2 títulos (1976 e 1997)
  • Flamengo – 2 títulos (1981, 2019)
  • Internacional – 2 títulos (2006 e 2010)
  • Palmeiras – 2 títulos (1999, 2020)
  • Atlético-MG – 1 título (2013)
  • Corinthians – 1 título (2012)
  • Vasco da Gama – 1 título (1998)

Argentinos lideram

Os times argentinos são os maiores vencedores da Libertadores, com uma vantagem considerável para os brasileiros, que estão em segundo no ranking.

São 27 títulos para os vizinhos, com sete deles conquistados pelo Independiente. Depois dos gloriosos anos 2000, o Boca Juniors encostou no rival e chegou a seis conquistas.

O River Plate e o Estudiantes dividem o terceiro entre os maiores vencedores argentinos, com quatro títulos cada.

Racing, Argentinos Juniors, Vélez Sarsfield e San Lorenzo têm um título cada.

Mais Recentes da CNN