Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Alvo do Flamengo, De La Cruz não crava permanência no River Plate

    A diretoria rubro-negra apresentou uma oferta ao River Plate de cerca de R$ 46 milhões, mas não foi aceita pelos argentinos

    No River Plate desde 2017, o meio-campista também é titular da seleção uruguaia
    No River Plate desde 2017, o meio-campista também é titular da seleção uruguaia Reprodução/Instagram

    Matheus Dantasda Itatiaia

    Campeão argentino no sábado (15), e autor de um dos gols na vitória por 3 a 1 sobre o Estudiantes-ARG, De La Cruz não crava sua permanência no River Plate-ARG, clube onde é ídolo e atua desde 2017. Questionado sobre o futuro após o título, o meia uruguaio, que interessa ao Flamengo, desconversou.

     

    “Estou muito feliz aqui, muito satisfeito. Se acontecer de não ficar, irei grato. A torcida me reconhece. Meu representante verá o que acontece”, disse De La Cruz, ao portal argentino “Olé”, em Buenos Aires.

    Enquanto De La Cruz segue em atividade pelo River Plate, o Flamengo mantém o interesse em contratá-lo e contato com os representantes do jogador. A negociação, contudo, não evoluiu.

    Ainda em junho, a diretoria apresentou uma oferta ao River Plate de 8,5 milhões de euros (cerca de R$ 46 milhões), a qual não foi aceita pelos argentinos. Segundo Marcos Braz, vice-presidente de futebol, o clube de Buenos Aires está “sentado” na multa de 16 milhões de euros (cerca de R$ 87 milhões).

    A postura do Flamengo, até este momento, é de que não desembolsará esse valor por De La Cruz, meia uruguaio de 26 anos. Assim, o Rubro-Negro adota a paciência como estratégia, tendo em vista que a janela de transferências está aberta até o dia 2 de agosto. Enquanto isso, o clube carioca tem a contratação de Claudinho, meia-atacante do Zenit, da Rússia, como principal objetivo neste momento.

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original