Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Após nova derrota, diretoria do Vasco promete técnico para a próxima semana

    Diretor de futebol e CEO fizeram pronunciamento em São Januário

    Luiz Mello e Paulo Bracks, CEO e diretor de futebol do Vasco, respectivamente
    Luiz Mello e Paulo Bracks, CEO e diretor de futebol do Vasco, respectivamente Daniel RAMALHO/CRVG

    Guilherme Abrahãoda Itatiaia

    A diretoria do Vasco, através do diretor de futebol, Paulo Bracks, e do seu CEO, Luiz Mello, afirmou que o clube vai anunciar um treinador durante esta semana. Após o revés diante do Cruzeiro, em casa, pelo Brasileiro, eles fizeram um pronunciamento, sem questionamentos da imprensa.

    “O sentimento é de muita vergonha. Eu estou, e todos no vestiário também. Com raiva, frustrados, não tem inércia aqui. Os resultados são inadmissíveis, inaceitáveis. 14ª rodada e vamos ter que traçar uma linha”, comentou Bracks.

    O passado não vamos mudar, mas nosso futuro está intacto e vamos fazer diferente. Na próxima semana teremos um novo comando técnico, vamos anunciar no momento oportuno

    Paulo Bracks, diretor de futebol do Vasco

    Bracks ainda garantiu que o Vasco está trabalhando pesado, mas que vai buscar, dentro do limite financeiro, o melhor para o clube e elenco.

    “Teremos oxigenação na janela, dentro do limite econômico do clube. Não vou desacreditar do trabalho que está sendo feito, nem do clube. Vamos trabalhar mais, mais e mais, para tirar o time dessa situação. Peço desculpas ao torcedor”, completou.

    O Vasco só volta a campo na semana do dia 23 de julho, quando enfrenta o Athletico-PR, no Rio de Janeiro, novamente sem torcida. O confronto diante do América, que seria no próximo dia 15, será remarcado, porque o Coelho joga a Copa do Brasil com o Corinthians.

    Pedido de desculpas para torcida

    Mello pediu desculpa pelo momento que o Vasco vive na temporada. Com nove pontos em 14 jogos, o Cruz-maltino está na zona de rebaixamento e pode terminar a rodada na vice-lanterna da competição. Até aqui, são só duas vitórias.

    “Nossa presença aqui é para pedir desculpas ao torcedor. Como clube, não estamos felizes, e com a 777 também não. Temos conversado bastante diariamente, tentando buscar soluções. Nessa semana, vamos ter mais visitar de gente de lá, estamos tentando ver como faremos isso. Entendo a frustração do torcedores, e (eles) têm que entender que estamos mais frustrados ainda”, comentou Mello.

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original