Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Brasileirão: Palmeiras vence Vasco com golaço de Veiga e intervenção do VAR

    Com a vitória, Alviverde impede que o Botafogo dispare ainda mais na liderança

    Raphael Veiga tenta drible sobre Gabriel Pec em Palmeiras x Vasco
    Raphael Veiga tenta drible sobre Gabriel Pec em Palmeiras x Vasco Ricardo Moreira/Getty Images

    Luccas Oliveirada CNNda Itatiaia

    O Palmeiras contou com um belo gol de falta de Raphael Veiga e uma ajuda do VAR para vencer o Vasco por 1 a 0, na noite deste domingo (27), no Allianz Parque, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro.

    O clube carioca chegou a abrir o placar no primeiro tempo com um belíssimo chute de Paulinho, mas o VAR interveio e apontou impedimento milimétrico de Vegetti na origem do lance.

    Na segunda etapa, o Palmeiras achou seu gol em cobrança de falta de Raphael Veiga, aos 20 minutos, no ângulo de Léo Jardim, que tinha feito importantes defesas ao longo da partida.

    Com o resultado, o Alviverde segue na segunda posição do Brasileirão e mantém a distância de 11 pontos para o líder Botafogo, que venceu o Bahia por 3 a 0.

    Já o Vasco segue na 18ª posição, com 16 pontos, mas conta com os tropeços de Bahia, Santos e Coritiba, adversários na luta contra o Z4, para seguir a cinco pontos do 16º, com um jogo a menos.

    Palmeiras com força máxima

    Apenas Zé Rafael, com três amarelos, cumpriu suspensão automática. De resto, foi um Palmeiras com força total. Ou quase isso. O time alviverde treinou apenas uma vez, neste sábado, desde que chegou da Colômbia, devido a falha técnica no avião comprado por Leila Pereira.

    O imprevisto obrigou os palmeirenses a percorrer de ônibus um trajeto de mais de 200 km de Pereira até Cali, onde embarcaram em um voo fretado para São Paulo. Perderam horas de folga.

    Como foi o jogo

    No geral, foi um jogo equilibrado. O Palmeiras não se deixou abalar pelos 12 graus na Barra Funda. Inflamado pela sua massiva torcida, foi a equipe alviverde quem mostrou mais vontade logo no início. Contudo, a troca de passe no campo de ataque e a paciência alviverde logo foram abaladas.

    O Vasco só precisou de um lance para, finalmente, entrar na partida.

    O grito de gol veio na faixa dos 15 minutos. Vegetti cabeceou e encobriu Weverton, que saiu errado com as mãos, mas Gustavo Gómez tirou de cabeça sem grandes problemas. Na sequência da jogada, Paulinho bateu de fora da área e fez um lindo golaço de longe.

    O VAR foi acionado e atrasou o jogo em longos 3 minutos para anular o gol em razão de impedimento na origem da jogada, no cruzamento pela esquerda de Lucas Piton.

    Foi justamente pelo lado esquerdo que o Vasco se saiu melhor no primeiro tempo. Aos 24, Gabriel Pec voltou a assustar a defesa palmeirense com finalização que passou por cima do gol.

    Como resposta, Raphael Veiga fez boa arrancada pela esquerda e cruzou para Artur dentro da área. O atacante se atrapalhou e Richard Ríos arrematou com um foguete no pé, obrigando Léo Jardim a fazer uma bela defesa.

    Dudu se machuca sozinho

    O momento dramático aconteceu quando Dudu, aos 37, se machucou sozinho. Paulinho realizou um belo drible no camisa 7 do Palmeiras, que tentou dar o bote. Ele ficou caído no campo e o juiz deixou o lance seguir no ataque do Vasco enquanto o médico cruzmaltino prestou socorro ao atacante rival.

    Depois de 2 minutos fora de campo, Dudu retornou. Cabisbaixo, não conseguiu permanecer nos últimos minutos da primeira etapa. Breno Lopes entrou em seu lugar.

    Richard Rios cabeceou a bola com perigo aos 47, no último lance mais relevante da primeira etapa.

    Segundo tempo

    Os times foram aos vestiários, e voltaram iguais. A chuva fina e fria caiu no Allianz Parque enquanto os times estudavam um ao outro na segunda etapa. O jogo passou a ficar mais truncado e Wilton Pereira Sampaio amarelou Robson Bambu e Richard Rios.

    Aos 19, Raphael Veiga devolveu o golaço. Após falta de Zé Gabriel em Breno Lopes na ponta da área, o camisa 23 acertou o pé na bola com uma precisão inacreditável, sem chances para Léo Jardim.

    A bola ainda beijou a trave antes de dormir no fundo das redes. Este foi o primeiro gol de falta do Palmeiras após um ano e quatro meses.

    Até então, só o Palmeiras criava jogadas mais perigosas, mas sem grande capricho nas finalizações. O gol incendiou momentaneamente a partida.

    O clima gelado esfriou a partida novamente. Apesar de que, após o gol, apenas o clube alviverde apresentou mais ameaças. Os técnicos promoveram mudanças que, invés de mudar o ritmo do jogo, manteve o Palmeiras no ataque e o Vasco na defensiva. Mayke teve boa oportunidade aos 39, mas Léo Jardim mostrou que estava atento. A equipe visitante quase não criou na segunda etapa.

    Com o resultado, o Palmeiras fica com 40 pontos, 11 atrás do Botafogo, que também ganhou neste fim de semana: 3 a 0 sobre o Bahia. O Vasco segue na zona de rebaixamento, com 16 pontos na 18ª colocação. O próximo compromisso no Brasileirão das equipes será contra Corinthians e Bahia, respectivamente.

    Estreia adiada

    Pelo Vasco, havia a expectativa de Payet fazer sua estreia com alguns minutos. O clube carioca até conseguiu inscrever o meia a tempo na CBF, mas ele teve de cumprir suspensão em razão de episódio de agressão na França. O camisa 10 pode atuar contra o Bahia. Até lá, intensifica a parte física.

    Palmeiras 1 x 0 Vasco

    Palmeiras: Weverton; Mayke, Gustavo Gómez, Murilo e Piquerez; Richard Rios (Fabinho), Gabriel Menino (Luan) e Raphael Veiga; Artur (Marcos Rocha), Rony (Flaco López) e Dudu (Breno Lopes). Técnico: Abel Ferreira.

    Vasco: Léo Jardim; Robson Bambu (Puma Rodríguez), Medel, Maicon e Lucas Piton; Zé Gabriel, Praxedes (Sebastián Ferreira) e Paulinho; Serginho (Alex Teixeira), Vegetti e Gabriel Pec (Orellano). Técnico: Ramón Díaz.

    Gol: Raphael Veiga, aos 19 minutos do segundo tempo.

    Cartões amarelos: Luan, Robson Bambu, Richard Rios, Zé Gabriel.

    Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa/GO).

    Público: 40.292.

    Renda: R$ 2.558.309,65.

    Local: Allianz Parque.

    (com agências)

    Acompanhe CNN Esportes em todas as plataformas