Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Copa Sul-Americana: LDU acaba com sonho de título inédito do Fortaleza

    Time equatoriano venceu por 4 a 3 nas cobranças de pênaltis

    LDU venceu final da Sul-Americana
    LDU venceu final da Sul-Americana Divulgação/ Conmebol

    Jonatans Cruzda CNNMarcel Rizzoda Itatiaia

    Neste sábado (28), em Punta del Este no Uruguai, após empate no tempo normal por 1 a 1, a LDU derrotou o Fortaleza na grande final da Copa Sul-Americana nas cobranças de pênaltis.

    Após um primeiro tempo amarrado, com muitas faltas e cartões, os dois times resolveram atacar na etapa final. Lucero, aos dois minutos, completou bela jogada pelo lado direito para deixar o Fortaleza em vantagem. Logo na sequência, aos 10 minutos, Alzugaray recebeu lançamento da defesa, ganhou de Bruno Pacheco na força física, driblou o lateral esquerdo e acertou um lindo chute de perna esquerda, empatando a decisão.

    Depois disso, as equipes não tiveram chances claras de gol e a partida acabou indo para a prorrogação. No tempo extra, o jogo seguiu estudado e os times não mexeram no placar.

    Nas cobranças de pênaltis, muita emoção. O goleiro João Ricardo brilhou, pegando as cobranças dos experientes Paolo Guerrero e Alvarado. Pelo Fortaleza, Silvio Romero e Pedro Augusto pararam no goleiro Dominguez.

    Nas cobranças alternadas, Dominguez mais uma vez apareceu, pegando cobrança de Brítez e garantindo o bi-campeonato para os equatorianos. Final, LDU 4 a 3 nos pênaltis.

     

    Primeiro tempo travado, segundo com gols

    O Fortaleza teve um começo de jogo com mais posse de bola, não sentindo a pressão de disputar o jogo mais importante de sua história. Marinho, jogador que rivais da defesa da LDU disseram conhecer antes da partida, perdeu a melhor chance da etapa, ao tentar driblar duas vezes, dentro da área, e perder a bola.

    O jogo foi tenso, com cartões amarelos após divididas um pouco mais duras. João Ricardo e Domínguez pouco trabalharam.

    No segundo tempo, saíram os gols, de Lucero e de Alzugaray, que levaram a decisão para a prorrogação. A LDU conseguiu evitar preocupação ao empatar pouco tempo depois do time brasileiro abrir o placar.

    Mas a etapa teve mais chances, com os goleiros trabalhando mais. Na reta final, porém, os adversários pareciam mais satisfeitos em levar a partida para os 30 minutos adicionais.

    No pênaltis, João Ricardo pegou duas cobranças, e o Fortaleza ficou a um gol do título, mas Pedro Augusto errou. Nas alternadas, Piovi marcou, mas o zagueiro argentino Brítez chutou e o goleiro Dominguez defendeu sua terceira cobrança, já havia defendido também de Silvio Romero.

    Estádio lotado

    O Domingo Burgueño tem capacidade para 25 mil pessoas, e foram disponibilizados cerca de 21 mil ingressos. A final teve o estádio lotado, que foi o objetivo da Conmebol ao levar a partida para um campo mais acanhado.

    Inicialmente, o confronto estava marcado para Montevidéu, ou no estádio Centenário (para 55 mil pessoas) ou no Parque Central (para 40 mil), mas a Conmebol temeu que se repetisse o filme de finais anteriores da Copa Sul-Americana, com estádios de maior capacidade vazios.

    Premiação

    A LDU levou uma bolada ao receber 5 milhões de dólares (quase R$ 25 milhões) pelo título, mais 3 milhões de dólares (quase R$ 15 milhões) por garantir vaga na fase de grupos da próxima Libertadores. O total recebido, ao somar todas as fases da Copa Sul-Americana, foi de cerca de R$ 56 milhões.

    Fortaleza 1 (3) x 1 (4) LDU-EQU

    Fortaleza: João Ricardo; Tinga, Brítez, Titi e Bruno Pacheco; Caio Alexandre (Lucas Sasha), Zé Welison (Pedro Augusto) e Pochettino (Thiago Galhardo); Marinho (Machuca), Lucero (Silvio Romero) e Guilherme (Yago Pikachu). Técnico: Juan Pablo Vojvoda

    LDU: Domínguez, Quinteros, Ade, Rodríguez e Quiñónez (Ramirez); Martínez, Piovi, González (Alvarado) e Jhojan Jullio; Ibarra (Alzugaray) e Paolo Guerrero. Técnico: Luís Zubeldia

    Pênaltis

    Thiago Galhardo, Yago Pikachu, Tinga (Fortaleza)
    Alzugaray, Martinez, Jhojan Jullio, Piovi (LDU)

    Cartões Amarelos: Caio Alexandre, Guilherme, Marinho, Brítez (Fortaleza); Guerrero, Piovi (LDU)


    Acompanhe CNN Esportes em todas as plataformas