Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Coritiba é rebaixado no Brasileiro após derrota para o Fluminense

    Cano e John Kennedy marcam dois golaços, enquanto Jesé desconta para os visitantes; Coxa está matematicamente rebaixado

    Fluminense e Coritiba em partida válida pela 35ª rodada do Brasileirão
    Fluminense e Coritiba em partida válida pela 35ª rodada do Brasileirão MAILSON SANTANA/FLUMINENSE FC

    Ana Cristina Schwambachda CNNGuilherme Abrahãoda Itatiaia

    No Maracanã, o Coritiba foi derrotado por 2 a 1 pelo Fluminense neste sábado (25) em partida válida pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o Coxa está rebaixado para a Série B.

    Os titulares do Fluminense se despediram do Maracanã, em 2023, em grande estilo, com dois golaços de Cano e John Kennedy. O Flu só volta a atuar no Maior do Mundo com o time reserva nesta temporada. O Coritiba descontou com o espanhol Jesé Rodríguez aos 44 minutos do segundo tempo. Com os três pontos somados, o Fluminense chega a 53 pontos e sobe para a sétima posição. Campeão da Libertadores, o tricolor tem vaga garantida na competição continental em 2024.

    A derrota mantém o Coritiba na 19ª posição com 29 pontos somados. O Coxa é a segundo time a ser matematicamente rebaixado para a Série B do Campeonato Brasileiro. O primeiro foi o América-MG, rebaixado na 33ª rodada, quando foi derrotado por 3 a 0 justamente pelo Coritiba.

    Adeus dos campeões!

    O confronto marcou a última partida dos principais jogadores do Fluminense no Maracanã em 2023. O palco, da inédita conquista da Copa Libertadores, ainda receberá, na última rodada, o duelo com o Grêmio.

    Para este duelo, o Flu mandará suas reservas devido a proximidade da viagem para a Arábia Saudita. No dia 18 de dezembro, o Tricolor estreia no Mundial de Clubes da Fifa, com adversário a ser definido.

    Pintura 1: Germán Cano

    O que Cano segue fazendo com a camisa do Fluminense é para a história. Após ser o grande nome da conquista inédita da Copa Libertadores, ele mostrou que sua boa fase parece não chegar ao fim. No último minuto do primeiro tempo, o camisa 14 propiciou uma pintura no Maracanã.

    Quando a partida se encaminhava para um empate sem gols até o intervalo, Cano recebeu na entrada da área e acertou um lindo chute no ângulo de Luan Polli.

    Primeiro tempo sonolento

    Germán Cano foi um capítulo à parte no primeiro tempo. O que se viu mesmo foi um jogo morno com as duas equipes em marcha lenta. Quase que uma partida protocolar. O Coxa entrou em campo virtualmente rebaixado, algo que se concretizou ao final da partida.

    O Fluminense, de férias, se poupou muito para não ter problemas no Mundial de Clubes, em dezembro. Mesmo assim, Felipe Melo voltou a sentir a coxa e deixou o campo ainda no início da partida.

    Pintura 2: John Kennedy

    Assim como no primeiro tempo, o confronto tinha um certo domínio do Fluminense, mas sempre jogando em ritmo de treino. Eis que surge John Kennedy para pintar o Maracanã com outro lindo gol.

    Da entrada da área, assim como Cano, o jovem encheu o pé e acertou o ângulo do goleiro Luan Polli, mais uma vez. A cada rodada, o camisa 9 mostra que é fundamental nesse time. Assim como o argentino, ele também fez história com gol na final da Libertadores. Que promessa!

    Espanhol desencanta

    Contratado como um dos grandes nomes para o futebol brasileiro, Jesé Rodríguez deixou sua marca. Ele não marcava desde o dia 16 de abril, pela Sampdoria-ITA. O espanhol chegou ao Brasil fora de forma e não conseguiu se firmar no Coritiba. Dificilmente ele segue para a disputa da Série B. São seis jogos até aqui pelo clube paranaense.

    O atacante, que foi bicampeão da Liga dos Campeões pelo Real Madrid-ESP, e jogou também no PSG-FRA, já foi considerado uma joia do futebol mundial, mas infelizmente não vingou o esperado. Pelo menos, deixou o seu.

    Na próxima rodada

    O Fluminense agora fará dois jogos longe do Rio de Janeiro e só retorna ao Maracanã, na última rodada, no dia 6, diante do Grêmio. Antes disso, a equipe vai até a Vila Belmiro, na quarta-feira (29), encarar o Santos, às 19h (de Brasília), e depois enfrenta o Palmeiras, no Allianz Parque.

    O Coritiba joga no mesmo dia, mas em casa, contra o Botafogo, no Couto Pereira, às 21h30 (de Brasília). Depois o Coxa sai contra o Red Bull Bragantino e encerra a temporada contra o Corinthians, novamente em Curitiba.

    Fluminense 2×1 Coritiba

    Fluminense

    Fábio; Guga, Nino, Felipe Melo (Isaac) e Marcelo (Diogo Barbosa); André, Lima (Paulo Henrique Ganso), Daniel (Lelê) e Arias; John Kennedy (Giovanni Manson) e Cano. Técnico: Fernando Diniz.

    Coritiba

    Luan Polli; Natanael, Kuscevic, Thalisson Gabriel e Victor Luís; Andrey (Willian Farias), Bruno Gomez e Sebastián Gómez (Matheus Bianqui); Garcez (Jesé Rodríguez), Diogo Oliveira (Gabriel Silva) e Kaio César (Hayner). Técnico: Tiago Kosloski.

    Gols: Cano (45 min 1ºT), John Kennedy (17 min 2ºT) para o Fluminense;
    Jesé Rodríguez (44 min 2ºT) para o Coritiba
    Cartões amarelos: Felipe Melo, Lima (FLU); Sebastián Gómez, Diogo Oliveira (CTB)
    Cartão Vermelho: Nenhum
    Data e hora: 
    25 de novembro de 2023, às 21h (de Brasília)
    Motivo: 
    Jogo da 35ª rodada do Campeonato Brasileiro
    Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
    Árbitro: Matheus Delgado Candançan (SP)
    Assistentes: Neuza Inês Back (Fifa/SP) e Daniel Paulo Ziolli (SP)
    Árbitro de vídeo: Marcio Henrique de Gois (SP)


    Acompanhe CNN Esportes em todas as plataformas

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original