Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Eliminação marca pior campanha de Pia Sundhage em Copas do Mundo Femininas

    Técnica da seleção brasileira havia participado de outros dois Mundiais no banco, e de mais dois em campo

    Pia Sundhage demonstrou abatimento com a eliminação do Brasil
    Pia Sundhage demonstrou abatimento com a eliminação do Brasil Thais Magalhães/CBF

    Da CNN

    O apito final do empate em 0 a 0 entre Brasil e Jamaica não significou apenas a eliminação precoce da Seleção no Mundial. O resultado também marca a pior campanha de Pia Sundhage em Copas do Mundo.

    A técnica sueca havia participado de outros quatro Mundiais: dois como treinadora e outros dois dentro de campo.

    O primeiro deles foi na edição inaugural da competição, em 1991. Na ocasião, a Suécia terminou o torneio em terceiro. Quatro anos mais tarde, jogando a Copa em casa, a seleção sueca, ainda com Pia nos gramados, caiu nas quartas de final.

    O primeiro Mundial de Pia como técnica foi em 2011. A sueca comandou a seleção norte-americana ao vice-campeonato daquela Copa.

    Já em 2015, à frente da Suécia, Pia viu sua seleção natal ser eliminada nas oitavas de final. A queda veio com uma goleada por 4 a 1 aplicada pela Alemanha.

    A eliminação desta quarta-feira (2) foi a primeira da sueca em uma fase de grupos do Mundial. Os quatro pontos em três jogos também significaram a pior campanha da Seleção em Copas em 28 anos.

    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas