Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Atlético-MG vence São Paulo no Morumbi com golaço de Hulk e erro de Lucas

    Galo quebra jejum e Felipão conquista primeira vitória pelo clube

    Hulk comemora o primeiro gol do Atlético-MG sobre o São Paulo no Morumbi
    Hulk comemora o primeiro gol do Atlético-MG sobre o São Paulo no Morumbi Miguel Schincariol/Getty Images

    Henrique André e Luis Fabianida Itatiaia São Paulo

    Na estreia de Lucas pelo São Paulo, o Atlético-MG bateu o Tricolor Paulista por 2 a 0 em pleno Morumbi, em jogo válido pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro, neste domingo (6).

    Com gols de Hulk e Pavón, o time conquistou o primeiro triunfo sob comando do técnico Luiz Felipe Scolari, chegou aos 24 pontos no Campeonato Brasileiro e encerrou jejum de 10 partidas sem triunfos na temporada.

    Lucas entrou no segundo tempo, quando o São Paulo perdia por 1 a 0, e acabou tendo uma estreia infeliz, já que cometeu o pênalti convertido por Pavón no segundo gol do Galo.

    Primeiro tempo bom para o Galo

    Nem o atleticano mais otimista poderia esperar um início de jogo tão bom. Logo aos três minutos, Hulk abriu o placar com um golaço. Cobrando falta quase do meio de campo, o camisa 7 acertou uma bomba e não deu chance ao goleiro Rafael.

    Antes do tento dos visitantes, os donos da casa começaram em ritmo frenético e partiram para cima. E quase iniciaram na frente.

    Num duelo bastante dinâmico e disputado, o placar poderia ter sido modificado. As duas equipes criaram boas oportunidades, mas não conseguiram estufar a rede.

    Lucas acionado

    Acionado pelo técnico Dorival Jr., o meia Lucas fez sua reestreia pelo Tricolor Paulista já na volta do intervalo. Nos 20 primeiros minutos, ele foi o nome do jogo, empurrando o time da casa para buscar o empate.

    Aos 17, Lucas bateu falta da intermediária e quase “correu para o abraço”. A bola, porém, passou raspando o travessão de Matheus Mendes.

    Aos 19, foi a vez do argentino Calleri quase empatar o confronto. O chute, porém, parou na trave direita de Mendes, que encostou na bola e evitou com que ela fosse parar no fundo da rede.

    Lucas faz pênalti

    Aos 21, o reestreante Lucas fez besteira. Ele tentou parar o meia Patrick, que entrara na área, e acabou cometendo a penalidade máxima.

    Na cobrança, Hulk deixou para Pavón a missão. O argentino, com muita tranquilidade, não deu chance a Rafael. A bola foi para o lado direito e o goleiro para a esquerda.

    Na comemoração, Pavón chutou a bandeirinha de escanteio, como já fez em terras mineiras, e recebeu cartão amarelo.

    Galo segura o placar

    Aos 37 minutos, Hulk perdeu chance incrível, praticamente em cima da linha. Após cruzamento de Patrick, sem goleiro, cara a cara para as redes, o camisa 7 chutou por cima e não fez o terceiro do Galo.

    Nos minutos seguintes, o Galo segurou o ímpeto do Tricolor e, apesar de alguns sustos, conquistou grande vitória fora de casa.

    Apresentações no Tricolor

    Antes de a bola rolar no Morumbi, o São Paulo apresentou duas grandes contratações. Os meias Lucas Moura e James Rodríguez foram as atrações do domingo (6) e levaram milhares de torcedores ao estádio.

    Contudo, apenas o primeiro teve o nome publicado no Boletim Informativo Diário (BIF) da CBF e ganhou condições de jogo; ele começou entre os reservas.

    Dez jogos sem vencer

    Pressionado, o Galo entrou em campo precisando quebrar série de 10 partidas sem vencer. A última vitória do Alvinegro foi em 6 de junho, contra o Alianza Lima, no Peru. O triunfo, ainda sob comando do técnico Eduardo Coudet, foi na penúltima rodada da fase de grupos da Libertadores.

    São Paulo 0 x 2 Atlético-MG

    São Paulo: Rafael; Rafinha(Alexandre Pato), Diego Costa, Beraldo e Caio Paulista; Pablo Maia, Rodrigo Nestor, Talles Costa (Lucas) e Michel Araújo (David); Luciano e Calleri. Técnico: Dorival Júnior.

    Atlético-MG: Matheus Mendes; Saravia, Jemerson (Mauricio Lemos), Igor Rabello e Guilherme Arana; Otávio, Battaglia, Hyoran (Patrick); Paulinho (Igor Gomes), Pavón (Edenilson) e Hulk (Alan Franco). Técnico: Luiz Felipe Scolari.

    Gols: Hulk, aos 3 minutos do primeiro tempo, para o Atlético; Pavón, aos 26 do segundo tempo.

    Cartões amarelos: Rafinha, Beraldo, Nestor, Rafinha, David, Pablo Maia, Diego Costa (SAO); Jemerson, Battalgia, Saravia (CAM);

    Data e horário: 6 de agosto de 2023 (domingo), às 16h (de Brasília).

    Local: Morumbi, em São Paulo-SP.

    Motivo: 18ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro.

    Árbitro: Rodrigo Jose Pereira de Lima (PE).

    Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa (FIFA/RJ) e Francisco Chaves Bezerra Junior (PE).

    Árbitro de vídeo: Rodolpho Toski Marques (VAR-FIFA/PR)

    Público: 53.460 presentes.

    Renda: R$ 2.893.522,50.

     

    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas