Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Com gol de Otero, Santos sai na frente do Palmeiras na decisão do Paulistão

    Clube da Vila Belmiro não conquista o título estadual desde 2016

    Otero comemora o gol de cabeça marcado contra o Palmeiras, na Vila Belmiro
    Otero comemora o gol de cabeça marcado contra o Palmeiras, na Vila Belmiro Twitter/Paulistão

    Da CNN

    O Santos largou na frente do Palmeiras na final do Campeonato Paulista. Neste domingo (31), na Vila Belmiro, a equipe do técnico Fábio Carille venceu por 1 a 0, gol de Otero, e terá a vantagem do empate na partida de volta da decisão do Paulistão.

    Esta é a primeira final de Estadual que o Peixe disputa desde 2016, justamente quando conquistou o seu último título. Dos grandes paulistas, é o que está há mais tempo sem levantar a taça.

    Para o Verdão, que perdeu pela primeira vez em 2024, sair derrotado no confronto de ida da final do Paulistão não é uma novidade. Nos dois títulos do atual bicampeonato, a equipe de Abel Ferreira perdeu a primeira partida: 3 a 1 para o São Paulo, em 2022, e 2 a 1 para o Água Santa, no ano passado. Em ambos os casos, os alviverdes conseguiram reverter a série no Allianz Parque.

    É com esse retrospecto favorável que o torcedor palmeirense conta para o clássico do próximo domingo (7), em sua casa.

    O jogo

    Neste domingo, o time alvinegro contou com um apoio especial. Tricampeão paulista em 2010, 2011 e 2012, Neymar compareceu à Vila Belmiro e assistiu à partida de um camarote ao lado de seu pai e amigos.

    Antes de a bola rolar, inclusive, o atacante — hoje no Al-Hilal — entrou em campo com a taça do Paulistão, acompanhado de Pepe e Clodoaldo, ídolos do Santos.

    Talvez inspirado pela presença do histórico camisa 11, o atual dono da camisa, Guilherme, comandou o ataque pelo lado esquerdo. E foi de seus pés que saiu a jogada do gol do Peixe, aos 2 minutos da etapa final.

    Guilherme arrancou, deixou Marcos Rocha no chão e invadiu a área palmeirense. O atacante levantou a cabeça e cruzou para Otero, que aproveitou cochilo de Piquerez para se antecipar e cabecear firme, abrindo o placar na Vila e garantindo ao Santos a vitória que pode encaminhar o primeiro título do clube em oito anos.

    Um alento para o torcedor santista, que em 2024 terá que acompanhar o time na Série B do Campeonato Brasileiro pela primeira vez em sua história.

    Palmeiras e Santos voltam a se enfrentar no próximo domingo (7), às 18h, no Allianz Parque, pelo jogo de volta da final do Paulistão.

    Santos 1 x 0 Palmeiras

    Santos: João Paulo; JP Chermont, Gil, Joaquim e Felipe Jonathan; João Schmidt, Diego Pituca e Giuliano (Cazares); Guilherme, Otero (Pedrinho) e Julio Furch (Morelos). Técnico: Fábio Carille.

    Palmeiras: Weverton; Marcos Rocha, Luan e Murilo; Mayke, Aníbal Moreno, Zé Rafael (Richard Ríos) e Piquerez (Vanderlan); Raphael Veiga, Endrick (Rony) e Flaco López (Lázaro). Técnico: Abel Ferreira.

    Motivo: jogo de ida da final do Campeonato Paulista de 2024

    Data e horário: 31 de março de 2024 (domingo), às 18h (de Brasília)

    Local: Estádio Urbano Caldeira (Vila Belmiro), em Santos (SP)

    Árbitro: Flávio Rodrigues de Sousa

    Auxiliares: Marcelo Carvalho Van Gasse e Fabrini Bevilaqua Costa

    VAR: Daiane Muniz dos Santos

    Gol: Otero (3 min 2ºT), para o Santos

    Cartões amarelos: João Schmidt, do Santos; Zé Rafael, do Palmeiras


    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas