Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Corinthians atrasa pagamento de maio a funcionários e jogadores do clube

    Em crise financeira, Timão comunicou os funcionários que busca regularizar a situação no começo da próxima semana

    Augusto Melo vive fase conturbada no Corinthians
    Augusto Melo vive fase conturbada no Corinthians Rodrigo Coca/Agência Corinthians

    Raul Mourada CNN

    A sexta-feira (7) não foi nada fácil para o Corinthians. Nesta noite, o clube informou aos funcionários o atraso do pagamento referente ao mês de maio, que eram para ser debitados na quinta-feira (6).

    A intenção do clube é de quitar as pendências com os funcionários no começo da próxima semana. Terça-feira (11), é o prazo que a instituição deu como estimativa para que a situação se regularize, segundo a Rádio Bandeirantes. De acordo com o ge.com, o Corinthians alegou problemas no “fluxo de caixa”.

    Por meio de um e-mail geral para os gestores de cada área, o Timão avisou aos funcionários sobre o atraso. De acordo com o comunicado, o clube diz que trabalha “diligentemente para resolver esta situação para garantir que todos os pagamentos sejam processados o mais rápido possível”.

    “Gostaríamos de informar que, devido a questões operacionais imprevistas, o pagamento referente ao mês de maio sofreu um atraso. Estamos trabalhando diligentemente para resolver esta situação para garantir que todos os pagamentos sejam processados o mais rápido possível. Esperamos que a regularização ocorra até o dia 10/06/2024. Pedimos desculpas pelo transtorno causado e agradecemos pela compreensão e paciência”, comunicou o Timão.

    A notícia vem após um dia conturbado no Parque São Jorge. Primeiro, a Vaidebet anunciou a rescisão do patrocínio com o Corinthians. Logo após isso, dois diretores deixaram os cargos por conta da polêmica envolvendo a ex-patrocinadora e, por fim, Carlos Miguel está próximo de se transferir para o futebol inglês.

    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas