Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    Cristiano Ronaldo aparece de unhas dos pés pintadas; entenda se prática evita micose

    Especialistas explicam quais os produtos devem ser usados para evitar problemas com fungos

    Cristiano Ronaldo apareceu com as unhas dos pés pintadas; motivo seria para proteger de fungos e bactérias
    Cristiano Ronaldo apareceu com as unhas dos pés pintadas; motivo seria para proteger de fungos e bactérias Reprodução/Instagram

    Beatrice Teizencolaboração para a CNN

    O jogador Cristiano Ronaldo chamou a atenção no Instagram por um motivo inusitado. Em uma foto publicada recentemente, o atleta do Al-Nassr, time da Arábia Saudita, aparece deitado de sunga curtindo suas férias e com as unhas do pé pintadas de preto.

    De acordo com o jornal alemão “Bild”, o motivo da prática — adotada também por outros atletas, como Mike Tyson — seria protegê-las de fungos e bactérias, causadores de micose, já que os pés ficam por horas dentro de chuteiras suadas.

    Ainda segundo o veículo europeu, o jogador português já havia aparecido com as unhas dos pés esmaltadas ao utilizar a piscina na época do Campeonato Europeu de Futebol de 2016, na França. Na época, Ronaldo e o time de Portugal conquistaram o título.

    Pintar as unhas protege de fungos?

    Mas, afinal, pintar as unhas do pé com esmalte protege as mesmas de fungos e bactérias? Segundo a dermatologista Paola Pomerantzeff, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD), o uso de esmaltes não evita a infecção das unhas por fungos e bactérias – a não ser que seja um esmalte com princípio ativo antifúngicos ou com antibiótico.

    “Caso a pessoa use um esmalte antifúngico ou com antibiótico por baixo do esmalte colorido, o colorido não evita nem trata a micose da unha causada por fungos ou a infecção bacteriana no local. Ele pode ser utilizado por cima do esmalte terapêutico para ‘disfarçar’ a coloração alterada da unha causada pelo fungo ou bactéria ou para evitar a fotossensibilidade de alguns esmaltes terapêuticos”, explica.

    Ela acrescenta ainda que o esmalte colorido pode até mesmo atrapalhar ou atrasar o diagnóstico de uma alteração na unha. Por isso é importante tirar o esmalte das unhas regularmente e observar qualquer alteração.

    Como evitar?

    A dermatologista Cintia Guedes, também membro da SBD e da SBCD, explica que micose de unhas e dos pés é muito comum em jogadores de futebol por conta do uso prolongado de meias e chuteiras.

    “Os fungos gostam de lugares quentes e úmidos e os pés dos jogadores de futebol (e de outros atletas) é o ambiente ideal para a proliferação deles. É importante a troca de meias sempre que os pés ficarem úmidos. Limpar as chuteiras por dentro com álcool e deixá-las em local ventilado e ao sol ajuda na eliminação dos fungos”, afirma.

    O cuidado com os pés também é importante, por isso, a especialista indica lavar os pés com água e sabão durante o banho e secar bem entre os dedos. “Sempre que possível, deixe os pés arejados”, finaliza.