Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Cristiano Ronaldo confia em título de Portugal e minimiza polêmica: “Falo o que eu quero”

    Ídolo português garantiu de "pés juntos" que o grupo está fechado e pronto para fazer um grande mundial

    Estadão Conteúdo

    Cristiano Ronaldo não tem papas na língua. O craque concedeu uma coletiva de imprensa na madrugada desta segunda-feira (21) e agitou os bastidores de Portugal antes mesmo da estreia da seleção na Copa do Mundo.

    O atacante falou das metas da equipe no Mundial, desabafou sobre a polêmica com o Manchester United e até explicou sobre a relação com Bruno Fernandes, seu companheiro no clube inglês e na seleção. E garantiu de “pés juntos” que o grupo está fechado e pronto para fazer um grande mundial.

    “Na minha vida, o melhor momento é sempre o meu momento. Eu não tenho que pensar sobre o que as outras pessoas pensam. Eu falo quando eu quero e o que eu quero. Os jogadores, os funcionários, a comissão, os torcedores, me conhecem muito bem há muitos anos e sabem o tipo de pessoa que sou”, declarou o craque sobre o momento de ter polemizado o seu conflito com o Manchester United.

    Às vésperas da Copa, o português concedeu longa entrevista para a imprensa inglesa, na qual fez duras críticas ao Manchester e aos seus proprietários, além do técnico do time. O “desabafo” deve custar a permanência do jogador na equipe inglesa depois da Copa. O próprio clube já avisou que vai tomar medidas após as declarações do atacante.

    Cristiano Ronaldo, contudo, garantiu que a delegação de Portugal não ficou abalada com a confusão. “Todos querem muito essa competição, todos querem jogar, que é algo que gosto de ver, a ambição é muito alta. É um grupo faminto, ambicioso e focado. Não só este episódio que ocorreu comigo, mas outros episódios poderão abalar o próprio jogador, mas não vai abalar o plantel e o foco no vestiário”, completou.

    Ronaldo ainda lembrou os inúmeros títulos conquistados durante a carreira para mostrar que, aos 37 anos, não precisa mais provar nada para ninguém. “Se tivesse de demonstrar algo com 37 anos e 8 meses…Estaria preocupado. Depois do que eu já fiz e ganhei, seria uma surpresa para mim. Claro que tenho de demonstrar o que sou ano após ano, opiniões toda gente tem, mas será o Mundial a competição mais importante? Sim, das mais, é um sonho ganhar, mas se não ganhassem mais nenhum troféu estaria orgulhoso, mas, reforço, o ambiente no vestiário é excelente. Sem problemas. O grupo está blindado. E aproveito para dizer: parem de perguntar sobre mim.”

    Apesar disso, Cristiano Ronaldo ainda foi questionado sobre sua relação com Bruno Fernandes. Câmeras flagraram um cumprimento frio entre os dois jogadores do Manchester United no primeiro encontro dentro da seleção de Portugal. O craque minimizou. “Minha relação com ele é excelente. Eu estava brincando com ele. O avião dele chegou atrasado e perguntei se ele tinha vindo de barco. É isso”, completou.

    O atacante afirmou com toda a certeza que Portugal poderá fazer a melhor campanha da Copa do Mundo. O craque estava no elenco que terminou em quarto lugar em 2006, e já soube de histórias da equipe que terminou em terceiro no ano de 1966.

    “Sinto que esta seleção de Portugal tem um potencial incrível. Acho que podemos vencer com certeza, mas precisamos nos concentrar no próximo jogo. Então, é focar em Gana, conseguir uma vitória e partir daí. Vamos ver no final quem é a melhor equipe, mas acredito que Portugal é a melhor equipe deste Mundial. Mas precisamos mostrar isso em campo”, concluiu.

    A estreia de Portugal, contra Gana, está marcada quinta-feira, às 13h, no estádio 974. Estão no Grupo H também o Uruguai e a Coreia do Sul.

    Conheça todos os estádios da Copa