Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Por título inédito na Copa Verde, Vila Nova terá time alternativo contra o Paysandu

    Equipe colorada não terá doze jogadores na final da competição regional

    Márcio Fernandes, técnico do Vila Nova, não terá 12 jogadores para a final da competição regional
    Márcio Fernandes, técnico do Vila Nova, não terá 12 jogadores para a final da competição regional Beto Corrêa/Vila Nova-GO

    Filipe Sodréda Itatiaia

    Sexto colocado na Série B do Campeonato Brasileiro, o Vila Nova-GO terá um time alternativo para enfrentar o Paysandu, pela grande final da Copa Verde. O Tigre entra em campo na próxima quarta-feira (22), às 20h (de Brasília), no Estádio Banapará Curuzú, em Manaus, pelo primeiro jogo da decisão.

    Para o confronto, o técnico Márcio Fernandes, do Vila Nova, terá que escalar um time alternativo. O time goiano não poderá ir a campo com 12 atletas, que não estão inscritos na competição.

    O goleiro Halls, os laterais Elias, Fábio e Rhuan, os zagueiros Jemmes e Guilherme Lacerda, os volantes Cristiano e Geovane, o meia Igor Henrique e os atacantes Igor Torres, Júnior Todinho e Emerson Urso, contratados para a Série B, não poderão ser relacionados.

    Desses, Guilherme Lacerda ainda não estreou. Igor Henrique se recupera de lesão e Júnior Todinho está recuperado de contusão e deve estar à disposição para a sétima rodada da Série B.

    Em busca de título inédito na Copa Verde, o Vila Nova já amargou o vice-campeonato duas vezes, uma delas diante do próprio Paysandu, em 2022. Vale lembrar que o campeão da Copa Verde garante vaga na terceira fase da Copa do Brasil.

    Acompanhe CNN Esportes em todas as plataformas

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original