Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Santos tenta contratação de Paulo Bracks para atuar como executivo

    Profissional está na baixada santista para ser entrevistado pelo presidente Marcelo Teixeira

    Luiz Mello e Paulo Bracks, quando estavam no Vasco da Gama
    Luiz Mello e Paulo Bracks, quando estavam no Vasco da Gama Daniel RAMALHO/CRVG

    Luis Fabianida Itatiaia

    O Santos tenta a contratação do executivo Paulo Bracks. O profissional se reunirá com a diretoria do Peixe nos próximos dias para discutir as possibilidades de assumir um cargo no clube, não só no futebol, mas também em outros departamentos.

    A ideia do clube é ter Bracks como uma espécie CEO (do inglês Chief Executive Officer, um diretor-executivo). Ele já está na baixada santista para se reunir com o presidente Marcelo Teixeira e expor condições para iniciar o trabalho no Peixe.

    O profissional não chegaria ao Santos para atuar na função de Alexandre Gallo, mas sim como um superior. A ideia é que ele administre as mais diversas áreas do clube, incluindo equipe profissional masculina e feminina e categorias de base. Ele também teria atuação nos departamentos financeiro e de marketing.

    “Na parte organizacional do clube, neste primeiro semestre, decidimos que as contratações seriam para completar a parte administrativa, financeira, esportiva. Ele virá a Santos não relacionado ao futebol. Ele vem, com experiência de Série B. Importante ter um profissional como já fez com o América-MG, com o Vasco, fez um bom trabalho no Inter. Queremos entender se o Paulo Bracks tem um perfil para definir um CEO. Um diretor executivo para ele coordenar as demais gerências. Hoje o Santos não possui. A estratégia era para avaliarmos isso. Hoje, queremos um profissional que faça a avaliação dos profissionais do clube e prosseguirmos o trabalho da parte gerencial”, disse o presidente, em entrevista coletiva.

    Bracks passou recentemente pelo Vasco para tocar os primeiros passos do clube junto à 777 Partners, empresa que administrava o clube à época. O profissional ficou no cargo até dezembro de 2023 e, desde então, está livre no mercado.

    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original