Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Veja todos os detalhes do hotel em que Neymar está hospedado na Arábia Saudita

    Preços de uma diária no local podem chegar até R$ 20 mil

    Maria Fernanda Ramosda Itatiaia

    Desde que chegou à Arábia Saudita, no dia 18 de agosto, Neymar e a namorada, Bruna Biancardi, se hospedam no hotel de luxo Four Seasons, no centro de Riade, capital saudita. A rede tem hotéis no mundo inteiro e os preços de uma diária no local chegam a quase R$ 20 mil, na suíte presidencial.

    Os quartos mais luxuosos, intitulados como “kingdom” (reino, em português) e “royal” (real, em português), não têm valores divulgados para o público geral. O quarto com diária mais barata é o “Deluxe Room”, custando R$ 5.500.

    Entre as atrações do local, estão um jantar à luz de velas para um casal na Sky Bridge, uma ponte no topo do Kingdom Centre, onde fica o hotel. A ponte fica a 300 metros de altura e oferece uma vista privilegiada da capital árabe.

    Além do jantar, que conta com três pratos, um fotógrafo profissional fica à disposição do casal e a noite termina no quarto premium, cuja diária pode chegar a R$ 3 mil.

    Outro programa oferecido pelo Four Seasons são os passeios nas falésias de Ad’Diriah, patrimônio mundial da UNESCO, nas principais atrações históricas de Riade e nas dunas de areia vermelha do deserto da Arábia Saudita. Esse último termina com um jantar personalizado para a pessoa que fez a reserva.

    O local conta com um shopping próprio nas imediações do hotel. Além disso, há academia, sala de jantar para encontros comerciais, spa, piscinas e quadras de squash. Várias opções de alimentos são servidas para os hóspedes, como carnes, frutos do mar e até mesmo produtos de padaria artesanais, feitos no local. O hotel também faz serviço de quarto para quem preferir.

    Neymar chegou à Arábia Saudita no dia 18 de agosto para assinar com o Al-Hilal. O jogador fechou acordo por duas temporadas com o clube árabe e receberá cerca de 160 milhões de euros (R$ 860 milhões) por ano.

    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas