Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Inter emite nota sobre julgamento de Hugo Mallo por abuso sexual; entenda

    Audiência está marcada para o dia 11 de julho, no Tribunal Penal número 19 de Barcelona; situação teria ocorrido em abril de 2019

    Hugo Mallo, lateral do Inter, será julgado por abuso sexual
    Hugo Mallo, lateral do Inter, será julgado por abuso sexual RICARDO DUARTE / INTER

    Mauri Dornelesda Itatiaia

    O Internacional emitiu uma nota posicionando-se sobre o julgamento de Hugo Mallo, na Espanha, pela acusação de abuso sexual. No texto, enviado pela assessoria de imprensa do Colorado no final da tarde desta terça-feira (30), o clube afirmou que confia na versão do jogador.

    “O Sport Club Internacional, tomando conhecimento do tema privado relacionado ao atleta Hugo Mallo, veiculado na data de hoje pela mídia espanhola e que se desenvolve no Poder Judiciário da Espanha, ratifica que obteve do atleta a completa e veemente negativa acerca do conteúdo da acusação processada. Diante de tal situação, reportamos nossa plena confiança no jogador e juntamente com o staff do atleta, a partir da decisão de improcedência em primeira instância já consolidada, aguardaremos o desenrolar do processo com o resultado da medida recursal”, dise o Inter.

    Também nesta terça (30), o jornal espanhol As noticiou sobre o julgamento do lateral na Espanha. A audiência por acusação de abuso sexual será no dia 11 de julho, no Tribunal Penal número 19 de Barcelona.

    Mallo é acusado de colocar as mãos dentro da fantasia do mascote do Celta de Vigo, na época que defendia o time espanhol. Na ocasião, o jogador teria se aproveitado da situação para tocar nos seios da mulher que estava fantasiada. A partida, disputada em 24 de abril de 2019, promovia o encontro de Espanyol e Celta, no Estádio de Cornellà-El Prat, na Catalunha.

    A situação ocorreu na entrada dos jogadores, quando Mallo, capitão do time visitante, iniciou o protocolo para cumprimentar jogadores rivais e o mascote do time mandante. Dois periquitos são os mascotes do Espanyol. Na denúncia, o jogador teria cumprimentado normalmente o mascote masculino e assediado a feminina.

    “Quando Hugo Mallo chegou aos mascotes, deu a mão ao periquito como costuma fazer. Mas quando chegou à dona Ana (nome falso usado pelo AS para substituir o verdadeiro, da vítima) que naquele momento fazia o papel da periquita, este introduziu as mãos por baixo da fantasia e tocou seus seios”, informa a denúncia.

    “Segundo a testemunha, ele agarrou os seios dela com as mãos e começou a fazer movimentos”, completa o relato.

    Defesa de Hugo Mallo

    No dia seguinte, a vítima registrou a denúncia e Hugo Mallo foi intimado no dia 10 de julho de 2019. Diante do juiz, o lateral espanhol negou as acusações e afirmou ter cumprimentado a todos normalmente, além de desconhecer o gênero dos mascotes.

    Mallo ainda defendeu estar focado exclusivamente na partida, pois o Celta de Vigo brigava contra o rebaixamento. Por fim, o jogador alegou que as imagens não provam nenhum movimento suspeito.

    O que pode acontecer?

    Em acordo com os advogados da vítima, o Ministério Público solicitou que Hugo Mallo seja multado. O valor em questão será decidido de acordo com os termos do Código Penal.

    A pena prevista é de um a três anos de prisão ou 18 a 24 meses de sanção financeira para o indivíduo que “sem violência ou intimidação e sem consentimento, praticar atos que violem a liberdade ou indenização sexual de outra pessoa”.

    Ainda de acordo com o AS, a mulher não atua como mascote do clube desde 2021 e, agora, não tem relações profissionais com futebol.

    Chegada ao Internacional

    Hugo Mallo foi anunciado como reforço do Colorado em agosto de 2023. Antes, o lateral de 32 anos foi fiel ao Celta de Vigo, onde passou 14 anos de sua carreira.


    Acompanhe CNN Esportes em todas as plataformas

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original