Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Brasileira de 9 anos é a mais nova a tentar classificação ao Aberto de Golfe dos EUA

    Bella Simões participou da seletiva para o torneio nacional norte-americano

    A atleta brasileira de 9 anos, Bella Simões.
    A atleta brasileira de 9 anos, Bella Simões. James Gilbert / Getty Images

    Jack Bantockda CNN

    Quando a prodígio sul-coreana de 19 anos, Inbee Park, conquistou o primeiro de seus sete principais campeonatos no US Women’s Open de 2008, ela se tornou a mais jovem campeã do torneio.

    A brasileira Bella Simões ainda demoraria cerca de seis anos para nascer. Nesta terça-feira (9), ela tentou se classificar para a competição. Aos nove anos de idade, a brasileira é a mais jovem a tentar a classificação para o torneio, que teve sua tacada inicial no aclamado campo de Pebble Beach, na Califórnia, nos Estados Unidos.

    Simões acertou a primeira tacada de seu grupo de qualificação no “The Club at Mediterra em Naples”, na Flórida. Uma técnica de swing impecável atraiu muitos aplausos. No entanto, isso não deve surpreender, dado o já impressionante currículo de Simões. Campeã do US Kids Golf World na categoria sub-7 em 2020, ela defendeu o título um ano depois antes de conquistar mais uma vitória na competição de oito anos em 2022.

    A vencedora do Chevron Championship, Lexi Thompson, foi duas vezes campeã antes de se tornar uma das jogadoras de elite do esporte. Thompson se tornou a jogadora de golfe mais jovem a se classificar para o US Women’s Open quando ela – aos 12 anos – chegou à edição de 2007 do torneio principal.

    Simões ainda tem algumas tentativas para ganhar de Lexi esse título, mas terá que esperar pelo menos mais um ano depois de terminar empatado em 59º no campo com 67 jogadores. A brasileira chutou 23 acima do par, com duas jogadoras – Lindy Duncan e Brooke Matthews – garantindo a qualificação automática com pontuações de 10 abaixo e 8 abaixo, respectivamente.

    A USGA, responsável pelo aberto feminino de golfe, anunciou um número recorde de inscrições para o campeonato de julho. Foram 2.107 inscritos de 47 estados dos EUA e 62 países superando o recorde anterior de 1.874 estabelecido no ano passado, quando Minjee Lee conquistou a vitória em Pine Needles.

    Os jogadores devem ter um índice de handicap de 2,4 ou menos, ou ser um profissional, para tentar a qualificação. Vários grupos estão isentos e recebem um convite automático, incluindo os últimos 10 campeões e os 75 melhores jogadores do ranking mundial. Por outro lado, a Kimberly Williams, uma atleta de 60 anos de Bethesda, Maryland, foi a jogadora mais velha a tentar a qualificação este ano, de acordo com a USGA.

    Este conteúdo foi criado originalmente em espanhol.

    versão original