Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Defesa de Antony fala em “relacionamento conturbado” do atacante com a ex-namorada

    Escritório que defende o jogador, porém, nega que ele tenha agredido fisicamente Gabriela Cavallin

    Antony em jogo do Manchester United, pela Premier League
    Antony em jogo do Manchester United, pela Premier League Stu Forster/Getty Images

    Da CNN

    A defesa do atacante Antony, cortado da convocação da Seleção Brasileira para o início das Eliminatórias Sul-Americanas, se pronunciou nesta quinta-feira (7) por meio de uma nota, na qual fala sobre a investigação que apura supostas agressões físicas e psicológicas do atleta contra a ex-namorada Gabriela Cavallin.

    De acordo com o escritório Dias e Carvalho Filho Advogados, que defende o jogador do Manchester United, Antony narrou às autoridades, em depoimento prestado em junho deste ano, “um relacionamento conturbado” com a DJ e influenciadora, permeado “pela instabilidade emocional, mas jamais pela violência”.

    O inquérito policial que investiga as supostas agressões foi instaurado pela 5ª Delegacia de Defesa da Mulher, em São Paulo.

    De acordo com o escritório Bialski Advogados Associados, que defende Cavallin no caso, entre junho do ano passado e maio deste ano, aconteceram ao menos seis episódios em que a mulher foi vítima “de agressões físicas, verbais e psicológicas, entre outras, praticadas por Antony”, segundo documento do inquérito instaurado para investigar o caso.

    Antony foi desconvocado da Seleção Brasileira na tarde de segunda-feira (4) após a investigação ganhar repercussão. A equipe estreia nas Eliminatórias nesta sexta (8), contra a Bolívia, em Belém.

    “Em função dos fatos que vieram a público nesta segunda-feira (04/09), envolvendo o atacante Antony, do Manchester United, e que precisam ser apurados, e a fim de preservar a suposta vítima, o jogador, a Seleção Brasileira e a CBF, a entidade informa que o atleta está desconvocado da Seleção Brasileira”, afirmou a CBF em nota.

    Veja a íntegra da nota publicada pela defesa de Antony

    “O jogador Antony Matheus dos Santos vem sendo alvo de acusações infundadas feitas por sua ex-namorada Gabriela Cavallin. Antony, por intermédio de seus defensores, vem acompanhando de perto as investigações policiais no âmbito do inquérito em curso na 5ª Delegacia de Defesa da Mulher e confia na seriedade do trabalho da autoridade policial.

    Em depoimento prestado em junho, narrou um relacionamento conturbado com Gabriela, com desentendimentos, discussões, ofensas verbais mútuas, sempre movidas pela emoção, mas negou veementemente qualquer ato de agressão física ou psicológica. Seu depoimento descreve uma relação conflituosa, com rupturas, reencontros, permeada pelo sofrimento, pela instabilidade emocional, mas jamais pela violência.

    O inquérito corre em sigilo judicial, não cabendo maiores comentários sobre seu conteúdo. Em respeito ao princípio da presunção da inocência, espera-se um tratamento sóbrio, isento, cauteloso e profissional pelos veículos de comunicação e que Polícia Civil, Ministério Público e Judiciário atuem com imparcialidade e com respeito ao direito de defesa. Antony seguirá à disposição das autoridades policiais, confiando que, ao final, a verdade prevalecerá com o reconhecimento de sua inocência.”

    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas