Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Richarlison diz que vai buscar ajuda psicológica e revela problemas extracampo

    Atacante da Seleção Brasileira passou em branco nas duas primeiras rodadas das Eliminatórias

    Richarlison foi titular nos dois primeiros jogos do Brasil nas Eliminatórias
    Richarlison foi titular nos dois primeiros jogos do Brasil nas Eliminatórias Vitor Silva/CBF

    Hugo Lobãoda Itatiaia

    A má fase de Richarlison dentro de campo pode ser reflexo de um momento conturbado vivido pelo atleta fora das quatro linhas. Após a vitória da Seleção Brasileira sobre o Peru, na noite desta terça-feira (12), o atacante revelou que teve problemas recentemente com “pessoas que só estavam de olho no dinheiro”. De acordo com o próprio jogador, ele vai procurar ajuda psicológica no retorno à Inglaterra.

    O centroavante ainda não conseguiu se firmar como uma peça importante no Tottenham e vive jejum de gols pelo Brasil. Escalado novamente como titular por Fernando Diniz, ele até balançou as redes no primeiro tempo da partida, válida pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2026, mas teve gol anulado por impedimento após longa análise do VAR.

    “Passei por um momento turbulento nesses últimos cinco meses fora de campo. Agora as coisas já estão certas dentro de casa. Pessoas que só estavam de olho no meu dinheiro saíram de perto de mim. Agora as coisas vão começar a fluir, tenho certeza que vou pegar uma sequência boa no Tottenham e fazer as coisas acontecer novamente”, disse.

    Para Richarlison, conseguir ganhar uma sequência de jogos no Tottenham será fundamental para a recuperação também na Seleção Brasileira. Por isso, ele espera ter uma conversa com as pessoas do clube, além de procurar um profissional de psicologia.

    “Vou voltar para a Inglaterra, buscar ajuda psicológica, de um psicólogo, para trabalhar a mente. É isso, voltar mais forte. É pegar uma sequência boa no Tottenham, essa semana vou sentar conversar com eles, preciso de uma sequência boa, pegar ritmo de jogo e chegar aqui bem”, declarou na zona mista após a vitória da Seleção Brasileira sobre o Peru.

    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas