Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Santos vira sobre o Flamengo em jogo marcado por expulsão de Gerson

    Meia rubro-negro viu o cartão vermelho ainda no primeiro tempo em Brasília

    Joaquim comemora o gol da virada do Santos sobre o Flamengo aos 43 minutos do segundo tempo
    Joaquim comemora o gol da virada do Santos sobre o Flamengo aos 43 minutos do segundo tempo Raul Baretta/ Santos FC

    Guilherme Abrahãoda ItatiaiaLuccas Oliveirada CNN

    No Mané Garrincha, em Brasília, o Santos conseguiu uma vitória importantíssima sobre o Flamengo, nesta quarta-feira (1), por 2 a 1, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro.

    A partida foi impactada pela expulsão do meia Gerson, do Flamengo, aos 42 minutos do primeiro tempo, após acertar o atacante Furch, do Santos, com o cotovelo.

    Naquela altura, o placar mostrava 1 a 1. Pedro abriu o placar para o Rubro-Negro, aos 20 minutos, mas Nonato deixou tudo igual 12 minutos depois.

    O gol da virada santista veio aos 43 minutos do segundo tempo com o zagueiro Joaquim, em chute forte da intermediária que o goleiro Rossi aceitou.

    Fôlego contra o Z4

    A vitória é fundamental para o Peixe na luta contra o rebaixamento. O Santos chega a 37 pontos, na 15ª posição, e abre cinco do Goiás, que está no Z4, mas ainda joga na quinta-feira (2).

    Já o Flamengo cai para a sexta posição, com 50 pontos, mas tem um jogo a menos. Apesar de seguir no G6, o Rubro-Negro se afasta de vez da briga pelo título.

    Primeiro tempo agitado

    Mesmo sem muitas chances claras de gol, o primeiro tempo em Brasília foi mais agitado que o esperado. Com dois gols e uma expulsão, Flamengo e Santos fizeram 45 minutos disputados.

    E quem saiu na frente foi o Fla, com Pedro voltando a marcar com bola rolando, após cobrança de escanteio. Foi o gol de número 100 do atacante pelo clube carioca.

    Porém, o Santos não se abateu, mesmo atrás do marcador, e buscou o empate com um lindo chute de Nonato, 12 minutos depois. Mas o que marcou a primeira etapa foi a expulsão boba de Gerson.

    O camisa 20 rubro-negro acertou uma cotovelada no rosto de Furch. Primeiramente, o árbitro deu apenas o amarelo, mas após revisão no VAR, o cartão foi anulado e Gerson foi para rua mais cedo, deixando o Flamengo com uma a menos durante toda a segunda etapa.

    Defesa frágil

    Com o gol marcado por Pedro, ainda no primeiro tempo, o Santos chegou à incômoda marca de ver sua defesa vazada nos últimos 21 jogos pelo Campeonato Brasileiro. O Peixe já sofreu 55 gols na competição, menos apenas que Coritiba e América-MG, os dois últimos colocados, que sofreram 65.

    Segunda etapa estudada e com poucas chances

    O segundo tempo em Brasília, assim como a maior parte do primeiro tempo, reservou poucas emoções para os torcedores. O Santos, mesmo com um a mais em campo, não conseguia ser contundente como o esperado, e o Flamengo estudou mais o adversário para não sofrer com a desvantagem numérica.

    As duas equipes até criaram uma ou outra grande chance, mas nada que agitasse os torcedores presentes na capital federal, até a bola cair nos pés de Joaquim.

    Herói improvável

    Quando a partida se encaminhava para o empate, o zagueiro Joaquim acertou um lindo chute para garantir a virada do Santos e o alívio no Campeonato Brasileiro.

    Aos 43 dos segundo tempo, o defensor recebeu a bola, olhou Rossi e soltou o pé, no canto direito do argentino, que nada pôde fazer. Uma vitória sensacional do Peixe.

    Segunda derrota de Tite

    Depois de perder para o Grêmio, também de virada, o técnico Tite conheceu sua segunda derrota como treinador do Rubro-Negro. E os dois tropeços praticamente sacramentam as chances do Flamengo de buscar o título brasileiro.

    Próximos jogos

    Pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Flamengo visita o Fortaleza, no domingo (5), às 16h (de Brasília). Já o Santos volta a jogar na Vila Belmiro contra o Cuiabá, um dia depois, na segunda-feira (6), às 21h (de Brasília).

    Flamengo 1×2 Santos

    Flamengo: Rossi; Wesley (Matheuzinho), Fabrício Bruno, Léo Pereira e Ayrton Lucas (Everton Cebolinha); Thiago Maia, Gerson e Arrascaeta (Rodrigo Caio); Luiz Araújo (Victor Hugo), Bruno Henrique e Pedro (Gabigol). Técnico: Tite.

    Santos: João Paulo; Lucas Braga (João Lucas), Messias, Joaquim e Kevyson; Tomás Rincón (Mendoza), Rodrigo Fernández (Dodi), Jean Lucas e Nonato (Maxi Silvera); Soteldo e Julio Furch (Lucas Lima). Técnico: Marcelo Fernandes.

    Gols: Pedro (20 min 1ºT) para o Flamengo; Nonato (32 min 1ºT) e Joaquim (43 min 2ºT) para o Santos.

    Cartões amarelos: Gabigol (FLA); Rodrigo Fernández, Lucas Braga (SAN).

    Cartão vermelho: Gerson e Bruno Henrique do Flamengo; Lucas Braga, do Santos.

    Data e horário: quarta-feira,1 de novembro de 2023, às 20h (de Brasília).

    Local: Mané Garrincha, Brasília (DF).

    Motivo: Jogo válido pela 31ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro.

    Árbitro: Rafael Rodrigo Klein (RS).

    Assistentes: Guilherme Dias Camilo (Fifa-MG) e Jorge Eduardo Bernardi (RS).

    Árbitro de vídeo: Pablo Ramon Goncalves Pinheiro (Fifa-RN).

    Acompanhe CNN Esportes em todas as plataformas