Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Vaias e aplausos reacendem discussão sobre Pedro e Gabigol no Flamengo

    “A torcida deu apoio. Ela estava até um pouco impaciente pelo resultado" disse o técnico Tite

    Tite, técnico do Flamengo
    Tite, técnico do Flamengo Gilvan de SOuza/Flamengo

    Matheus Dantasda Itatiaia

    Em um clássico no qual apresentou poucas alternativas, o Flamengo venceu o Botafogo por 1 a 0, no Maracanã, nesta quarta-feira (7), com gol do zagueiro Léo Pereira. As reações da torcida na substituição de Pedro por Gabigol, na etapa final, reacenderam a discussão sobre o ataque.

    Aos 33 minutos do segundo tempo, com o placar zerado e pouca participação, Pedro deixou o campo sob vaias e viu Gabigol ser muito aplaudido, mesmo que o o camisa 10 tenha perdido um pênalti que daria a vitória sobre o Vasco no último domingo (8). Na entrevista após o clássico com o Botafogo, o técnico Tite minimizou as reações da torcida, e valorizou o que os dois atacantes podem oferecer.

    “A torcida deu apoio. Ela estava até um pouco impaciente pelo resultado. Temos que entender a reação da torcida. Às vezes, tocava uma bola de lado e ela reclamava. Reclamava aqui atrás do banco. Mas não dá para perder a consciência, que vai sair de qualquer jeito e fazer o gol. Por isso que falo para os atletas terem maturidade. Vai dando crédito. Titularidade é a sequência de jogos que dá. São os momentos de cada um. Pedro tem sido o goleador”, afirmou Tite.

    Com Pedro e Gabigol à disposição, o Flamengo volta a campo no sábado (10). A partida será contra o Volta Redonda, no Maracanã, e é válida pela terceira rodada da Taça Guanabara. Com a vitória sobre o Botafogo, o Rubro-Negro entrou na zona de classificação para as semifinais do Campeonato Carioca.

    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original