Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Arquiteto Frank Lloyd Wright projetou a casa do cachorro de menino de 12 anos

    Famoso arquiteto americano projetou edifícios icônicos como a casa Fallingwater na Pensilvânia, e o Museu Guggenheim em Nova York

    Casa de cachorro projetada pelo célebre arquiteto Frank Lloyd Wright
    Casa de cachorro projetada pelo célebre arquiteto Frank Lloyd Wright Condado de Marin

    Zoe Sottileda CNN

    Ouvir notícia

    O famoso arquiteto americano Frank Lloyd Wright projetou edifícios icônicos como a casa Fallingwater na Pensilvânia, e o Museu Guggenheim em Nova York – e também projetou uma casinha de cachorro para um menino de 12 anos que lhe enviou uma carta.

    Jim Berger cresceu em uma casa em San Anselmo, Califórnia, que seus pais encomendaram a Wright para projetar, de acordo com Marin County. Em 1956, quando Berger tinha 12 anos, ele enviou uma carta a Wright pedindo planos para uma casinha de cachorro para seu labrador, Eddie.

    “Agradeceria se você me projetasse uma casinha de cachorro, que fosse fácil de construir, mas combinasse com a nossa casa”, escreveu Berger na carta. “A razão pela qual eu gostaria desta casa de cachorro é principalmente para os invernos.”

    Ele ofereceu a idade de Eddie, “quatro anos ou 28 anos na vida canina”, e o tamanho, “60 centímetros de altura e um metro de comprimento”.

    Carta que o menino Jim Berger escreveu para o arquiteto / Condado de Marin

    Ele se ofereceu para pagar o arquiteto pelo projeto com dinheiro de sua rota de papel.

    “Uma casa para Eddie é uma oportunidade”, escreveu Wright em sua resposta, datada de 28 de junho de 1956. “Um dia eu desenharei, mas agora estou muito ocupado para me concentrar nisso. Escreva para mim em novembro, para Phoenix, no Arizona, e eu posso ter algo então”.

    Foi só no ano seguinte que o arquiteto enviou a Berger os planos para a casinha de cachorro triangular, escritos no verso de um envelope e fornecidos gratuitamente. O design apresenta assinaturas do trabalho de Wright em geral e da casa dos Bergers, como o telhado de baixa inclinação e a saliência exagerada.

    Os fãs de arquitetura podem ver a casinha de cachorro no Centro Cívico do Condado de Marin, onde foi colocada em exibição permanente em 26 de maio, de acordo com o condado. O próprio centro cívico é o maior edifício já projetado por Wright.

    A casa de cachorro em exibição, no entanto, não é a casa de cachorro real usada por Eddie. O pai de Berger, Robert, e o irmão, Eric, construíram a casa de cachorro em 1963, quando Berger se juntou ao Exército, seis anos depois de receber os planos de Wright. Mas o labrador da família não usava a casinha de cachorro e, em 1970, a mãe de Berger, Gloria, a mandou para o lixão, segundo o condado.

    A casa está em exposição no Centro Civil do Condado de Marin / Condado de Marin

    Em 2010, Berger e Eric construíram outra versão da casinha de cachorro dos planos de Wright como parte de um documentário, “Romanza”, sobre a vida de Wright. E em 2016 Berger doou a estrutura única para Marin County.

    A casa do cachorro é a menor estrutura que Wright já projetou, diz o condado. O arquiteto morreu em 1959, apenas dois anos depois de enviar a Berger o projeto para seu companheiro canino.

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original

    Mais Recentes da CNN