Os melhores looks do tapete vermelho durante o Festival de Cannes 2022

Modelos que saíram direto das principais passarelas deste ano até vestidos vintage: confira os destaques

Isabelle Huppert veste Balenciaga no tapete vermelho do Festival de Cannes
Isabelle Huppert veste Balenciaga no tapete vermelho do Festival de Cannes Getty Images

Leah Dolanda CNN

Ouvir notícia

À medida que o 75º Festival de Cinema de Cannes chega ao fim, é hora de relembrar os melhores momentos da moda nesta edição. Percorra nossa galeria de destaques para ver os looks imperdíveis do evento e confira abaixo as tendências que marcaram presença no tapete vermelho.

Quente fora da pista

Este ano, as escolhas de moda no tapete vermelho foram verdadeiramente infiltradas pelas coleções da passarela – com várias personalidades optando por looks recém-saídos das passarelas do outono-inverno 2022.

Loewe, cujo desfile fantástico foi rapidamente considerado uma masterclass em originalidade, era uma espécie de favorito de Cannes. Soo Joo Park usou um vestido estampado de malha e sutiã balão divertidamente desinflado da nova coleção, e a modelo francesa Jeanne Cadieu chegou de braço dado com Jake Gyllenhaal em um vestido rosa fuschia com um corpete labial.

Em outra parte do festival, a modelo alemã Caroline Daur usou um minivestido rosa Valentino e salto plataforma da passarela de março da marca. Iris Law também chamou a atenção em um espartilho gótico e saia mídi da coleção outono 2022 da Dior.

Mergulhando nos arquivos

Bella Hadid com um vestido vintage da Versace, em Cannes / Getty Images

Apesar de todas as novidades oferecidas, havia alguns exemplos notáveis ​​da moda vintage. Bella Hadid foi manchete duas vezes ao usar um vestido preto sem alças Gianni Versace vintage, de 1987, com um laço de tafetá drapeado, e depois foi vista em um vestido de espartilho Versace outono-inverno 2003 em uma varanda de hotel.

A modelo canadense Coco Rocha também escolheu uma peça de arquivo para o tapete vermelho – um vestido John Galliano para Christian Dior preto e branco, de 2012.

Fiel ao rótulo

Kristen Stewart durante o photocall do filme “Crimes Of The Future” em Cannes/ Getty Images

Sejam embaixadores ou musas de longa data, vimos uma enorme fidelidade à grifes durante o festival. A embaixadora da Chanel, Kristen Stewart, por exemplo, sempre consegue transformar a personalidade parisiense da marca em algo mais ousado.

Durante um photocall à tarde para a estreia de “Crimes of the Future”, de David Cronenberg, Stewart optou por um terno de tweed clássico, mostrando um pouco de pele com a parte superior desabotoada e complementou com um par de óculos de sol aviador amarelo dos anos 1970. No tapete vermelho, ela equilibrou com maestria a feminilidade de sua saia de seda creme com um top cropped bordado de gola alta e mangas compridas.

Da mesma forma, Isabelle Huppert – que estrelou duas campanhas da marca desde 2021 – usou dois looks da Balenciaga. O primeiro é um inesquecível vestido de segunda pele verde esmeralda – completo com luvas e botas embutidas – exibindo o talento da casa de moda para criar momentos da cultura pop que também parecem avant-garde.

No entanto, Huppert mais tarde mostrou um lado diferente da grife em um visual direto de sua 50ª coleção de alta costura. O vestido preto atemporal, com uma silhueta justa e flare que lembra um usado por Grace Kelly, contrastava diretamente com o conjunto verde futurista.

Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

versão original

Mais Recentes da CNN