Brasileiro é resgatado sem comida em parque famoso pelo filme 'Into the Wild'


Da CNN*
17 de abril de 2020 às 04:34 | Atualizado 17 de abril de 2020 às 04:39
Parque Nacional Denali, no Alasca

Parque Nacional Denali, no Alasca, onde Christopher McCandless morreu na história retratada no livro e filme 'Na Natureza Selvagem'

Foto: Parque Nacional Denali/ Divulgação

Um turista brasileiro foi resgatado de helicóptero de uma área remota do Parque Nacional Denali, no estado americano do Alasca, segundo informações de guardas locais. Ele estava no local para visitar um ônibus abandonado que ficou famoso pelo livro e filme "Na Natureza Selvagem" (Into The Wild, no título original).

Ele foi identificado como Gabriel Dias da Silva, de 26 anos. 

Escrito por John Krakauer e transformado em filme em 2007, Into the Wild conta a história real de Christopher McCandless, viajante americano que morreu em 1992 dentro de um ônibus no Parque Nacional Denali, após caminhar na floresta por dois anos. 

Segundo Megan Peters, porta-voz da tropa responsável pelo resgate, o brasileiro ativou um farol de emergência após ficar sem comida. Ele teria enfrentado dificuldades para atravessar um rio no caminho de volta de sua peregrinação ao ônibus. 

"O rio estava furioso. Aparentemente, quando ele partiu, cerca de uma semana atrás, ainda havia pontes de gelo", disse Peters.

O ônibus abandonado e enferrujado, que McCandless usou como seu acampamento antes de morrer, tornou-se um santuário para seus admiradores.

O brasileiro é o mais recente de uma longa lista de turistas que tentam visitar o ônibus e precisam ser resgatados. Em fevereiro, cinco turistas italianos, um com pés congelados, foram resgatados após uma caminhada até o local.

Duas das caminhadas foram fatais. No verão passado, uma mulher de Belarus morreu após ser arrastada pelo rio Teklanika ao voltar do ônibus. Em 2010, uma turista suíça faleceu em um incidente semelhante no rio.

* Com Reuters