EUA ultrapassa marca de 3 milhões de infectados por Covid-19


Sinara Peixoto, da CNN, em São Paulo
08 de julho de 2020 às 13:26 | Atualizado 08 de julho de 2020 às 14:17
Painel da Universidade de Medicina Johns Hopkins

Painel da Universidade de Medicina Johns Hopkins mostra que EUA já têm mais de 3 milhões de casos de Covid-19

Foto: Reprodução - 08.jul.2020 / Universidade de Medicina Johns Hopkins

Os Estados Unidos ultrapassaram a marca de 3 milhões de casos confirmados de Covid-19, de acordo com dados da Universidade de Medicina Johns Hopkins. No início da tarde desta quarta-feira (8), o portal da instituição registrava 3.009.611 infectados. 

O país também tem o maior número de mortos. Até o momento,131.666 pessoas morreram em decorrência da doença. No mundo, já são mais de 545 mil vítimas fatais da Covid-19.

Na terça-feira (8), os EUA registraram um novo recorde de casos diários de Covid-19: mais de 60 mil, com 1.195 mortes. É o maior número de pessoas infectadas em um único dia no país desde o início da pandemia.

Também no início da tarde desta quarta, o secretário de estado norte-americano, Mike Pompeo, disse que a retomada das viagens entre o Brasil e os Estados Unidos vai depender de um conjunto de dados que vale para todos os países.

Durante entrevista coletiva em Washington, DC, Pompeo declarou ainda que as decisões americanas para entrada de turistas serão baseadas na ciência e não na boa relação política entre os países.