Ainda sem explicação, peça misteriosa de metal desaparece de deserto nos EUA

Teorias foram formuladas para explicar origem da peça de metal que apareceu no deserto de Utah, até ação alienígena. Agora, autoridades dizem que desapareceu

Por Alanne Orjoux e Melissa Alonso, da CNN
29 de novembro de 2020 às 02:27 | Atualizado 29 de novembro de 2020 às 03:02
Peça misteriosa, aparentando ser de metal, apareeu no meio de deserto no estado de Utah
Foto: Utah Department of Public Safety


Uma peça alta, prateada e brilhante, aparentemente de metal, descoberta no deserto de Utah - que gerou diversas teorias sobre sua origem, inclusive sugerindo ação alienígena - agora desapareceu também sem explicação.

A informação foi divulgada no sábado (28) pelo Bureau of Land Management (BLM), agência responsável pela gestão de terras públicas no estado americano.

A curiosa peça ficou conhecida como Monólito de Utah. Monólito é o nome dado para estruturas constituídas por apenas uma pedra, embora essa aparentasse ser de metal.

Leia também:
Peça de metal misteriosa é achada no deserto nos EUA

Peça de metal misteriosa é mais fácil de ser encontrada do que se imagina

O monólito foi removido por uma "parte desconhecida" na noite de sexta-feira, disse a agência em um post no Facebook.

"Recebemos relatórios confiáveis de que a estrutura instalada ilegalmente, conhecida como 'monólito', foi removida das terras públicas", disse o post.

“O BLM não retirou a estrutura, que é considerada propriedade privada", esclareceu a entidade.

 

Mistério sobre origem do objeto

Até aqui não houve confirmação sobre a origem da misteriosa peça. Na internet, muitos construíram teorias de que ela foi deixada lá por alienígenas. Enquanto outros acreditam ser a obra de um artista desconhecido ou até algo montado na região para a produção de algum filme.

O monólito foi descoberto pela primeira vez em 18 de novembro por oficiais do Departamento de Segurança Pública de Utah.

Eles estavam voando de helicóptero, ajudando a Divisão de Recursos da Vida Selvagem a contar ovelhas no sudeste do estado, quando avistaram algo que parecia saído do filme 2001: Uma Odisseia no Espaço.

"Um dos biólogos o avistou, e então voamos diretamente por cima dele", disse o piloto Bret Hutchings à rede KSL, afiliada da CNN.

E lá estava - no meio das rochas vermelhas estava um monólito de metal prateado e brilhante projetando-se do chão. Hutchings calculou que tivesse "entre 3 e 3,6 metros de altura". Não parecia que tinha caído aleatoriamente no chão, disse ele à KSL, mas parecia que tinha sido plantado.

"Presumo que seja algum artista new wave ou algo assim ou, você sabe, alguém que era um grande fã (do filme 2001: Uma Odisseia no Espaço)", disse ele, referindo-se a uma cena do filme de 1968 em que um monólito negro aparece.

Ainda assim, é ilegal instalar estruturas ou arte sem autorização em terras públicas "não importa de que planeta você seja", disse Utah DPS em um comunicado divulgado segunda-feira.

 

Youtuber Talon Sei chega ao monólito de Utah
Foto: Youtube/ Reprodução


 

Localização não foi divulgada, mas curiosos o acharam

A localização do monólito não foi divulgada porque as autoridades disseram que não queriam que os curiosos ficassem presos numa área remota e precisassem ser resgatados.

Mas é claro, isso não impediu alguns exploradores. Várias pessoas já localizaram com sucesso o monólito, escondido em um desfiladeiro de ao sul de Moab.

A caminhada envolveu dirigir na escuridão sobre terreno rochoso e verificar as coordenadas do GPS, de acordo com três pessoas que foram ver. Pelo menos um explorador se perdeu no início. Mas a viagem valeu a pena, disseram eles, mesmo que o monólito não fosse obra de alienígenas.

David Surber pode ter sido um dos primeiros a ver o monólito pessoalmente. As coordenadas do monólito estavam circulando no Reddit, mas nenhum dos usuários pôde confirmar que estavam corretas. Surber se ofereceu para descobrir.

As coordenadas estavam realmente corretas e Surber avidamente compartilhou os resultados de sua visita com 200 usuários do Reddit que inundaram sua caixa de entrada. Entre suas descobertas: o monólito não era magnético ou sólido (ele disse que parecia "uma caixa de papelão" quando bateu nela). Ele também compartilhou instruções passo a passo para a unidade para o monólito.

“No final das contas, extraterrestre ou feito por meio de expressão artística; o monólito forneceu uma oportunidade para milhares de pessoas se unirem em torno de algo positivo novamente”, disse ele à CNN por e-mail. "Foi uma boa fuga de toda a negatividade que experimentamos em 2020."