Quem pegou Covid-19 também precisa se vacinar, diz líder da Operação Warp Speed

'Sabemos que a infecção não induz uma resposta imunológica forte e que ainda diminui com o tempo', disse Moncef Slaoui à CNN

Virginia Langmaid, da CNN
20 de dezembro de 2020 às 15:25 | Atualizado 20 de dezembro de 2020 às 15:27
Vacina da Pfizer/BioNTech contra Covid-19 é aplicada em idosa de Edimburgo, na Escócia
Foto: Andrew Milligan - 8.dez.2020/Reuters

Quem foi infectado pela Covid-19 também precisa ser vacinado contra o vírus, disse o chefe da Operação Warp Speed, Moncef Slaoui, à CNN neste domingo (20).

“Sabemos que a infecção não induz uma resposta imunológica muito forte e diminui com o tempo”, disse Slaoui.

Slaoui disse ainda que não há motivos para preocupação: é seguro também para as pessoas que já foram infectadas com Covid-19 receberem a vacina.

Leia também:
'Vacina contra Covid-19 não é segura' e outros mitos que circulam na internet
Órgão dos EUA confirma 6 reações alérgicas graves causadas pela vacina da Pfizer

“Nós checamos isso nos ensaios clínicos”, disse ele. “Houve pessoas que participaram do estudo que estavam infectadas com coronavírus no momento em que receberam a vacina. É seguro.”

Nos Estados Unidos (EUA), a vacinação contra a Covid-19 já está em andamento para profissionais de saúde e pacientes que residem em instituições de longa permanência, como lares de idosos.

As autoridades locais devem discutir quais são os próximos grupos prioritários a serem vacinados em uma reunião neste domingo (20) à tarde.

(Texto traduzido. Leia aqui o original).