Incêndio em hospital no Egito deixa sete mortos

De acordo com às investigações iniciais o fogo foi causado por uma falha elétrica

Aidan Lewis, da Reuters
26 de dezembro de 2020 às 14:31 | Atualizado 26 de dezembro de 2020 às 14:33
O incêndio aconteceu em um hospital próximo ao Cairo, capital do Egito
Foto: Pixabay

Pelo menos sete pessoas morreram e muitas outras ficaram feridas após um incêndio atingir um hospital próximo ao Cairo, capital do Egito, neste sábado (26).

O fogo começou às nove da manhã no horário local (14h no horário de Brasília) e foi causado por uma falha elétrica, de acordo com as investigações iniciais.

Leia e assista também:
Japão proíbe entrada de estrangeiros até o fim de janeiro devido à Covid-19
Espanha registra quatro casos da nova variante do coronavírus
Hungria inicia vacinação contra novo coronavírus

A unidade de saúde, especializada no tratamento de pacientes com Covid-19, precisou ser evacuada e os pacientes tiveram que ser transferidos para um hospital público em Cairo.

Desde o início da pandemia, o Egito já registrou mais de 130 mil casos do novo coronavírus e cerca de 7 mil mortes.

O aumento no número de infecções nas últimas semanas tem preocupado as autoridades de saúde, que acreditam que o número de casos é muito maior que o indicado.