EpiVacCorona: Rússia diz que sua segunda vacina contra a Covid-19 é 100% eficaz

Testes clínicos do imunizante começaram em novembro; iniciativa é do Instituto Vector, da Sibéria

Maria Kiselyova e Alexander Marrow, da Reuters
19 de janeiro de 2021 às 08:34 | Atualizado 19 de janeiro de 2021 às 18:39


O órgão de vigilância da saúde do consumidor da Rússia, Rospotrebnadzor, disse nesta terça-feira (19) que a segunda vacina desenvolvida pelo o país contra a Covid-19 é 100% eficaz. A afirmação se baseia nos os resultados dos testes clínicos do imunizante e foi divulgada pela agência Tass.

Os testes da vacina, chamada EpiVacCorona, começaram em novembro. O imunizante é desenvolvido pelo Instituto Vector, da Sibéria.

Segundo Moscou, a outra vacina russa contra a Covid-19, a Sputnik V, é 92% eficaz na proteção contra a doença, conforme apontaram resultados provisórios.

Funcionários do Instituto Gamaleya trabalham na Sputnik V, a vacina russa contra a Covid-19
Foto: Sputnik V/Divulgação