Pub de 450 anos fecha no Reino Unido devido à pandemia da Covid-19

O The Lamb and Flag é conhecido por ser frequentado por grandes nomes da literatura inglesa, alunos e acadêmicos por mais de quatro séculos

Gerhard Mey, Jonathan Shenfield e Ben Dangerfield, da Reuters, em Oxford
25 de janeiro de 2021 às 13:10
Fachada do The Lamb and Flag
Foto: St. John's College

Um pub histórico no centro de Oxford, no Reino Unido, que serviu estudantes, acadêmicos e grandes nomes da literatura por mais de 450 anos está fechando, o que o torna mais uma das perdas culturais devido à pandemia da Covid-19.

O bar The Lamb and  Flag (O Cordeiro e a Bandeira, em português), já frequentado por autores como J.R.R Tolkien, que escreveu a trilogia “O Senhor dos Anéis”, e seu amigo C.S. Lewis, escritor de “As Crônicas de Nárnia”, teve uma perda desastrosa de lucros desde o início da pandemia.

O pub foi aberto em 1566 e mudou-se para a sua localização atual na rua St. Giles, uma via movimentada no centro da cidade, em 1613. Ele é propriedade da St. John's College, uma das 45 faculdades que formam a Universidade de Oxford.

 

A faculdade anunciou em um comunicado que o pub fechará em 31 de janeiro.

A Inglaterra esteve em lockdown durante a maior parte dos meses de março, abril, maio e junho do ano passado, e então novamente em novembro, e agora enfrenta seu terceiro lockdown nacional desde 5 de janeiro.

Escritores e acadêmicos famosos se divertiam no The Lamb and Flag
Foto: St. John's College

A vida universitária foi severamente interrompida pela pandemia além dos bloqueios totais.

David Richardson, um dos membros do braço de Oxford da Campaign for Real Ale — uma organização inglesa que cuida da preservação de espaços tradicionais onde se serve cerveja local, como pubs antigos, por exemplo — afirma que o The Lamb and Flag era um dos pubs mais tradicionais da cidade e seria uma tragédia vê-lo desaparecer.

 

Richardson disse que o local é uma referência para confraternizações e atrai pessoas de todo lugar.

O nome é inspirado em símbolos tradicionalmente associados a São João Batista, o the Lamb and Flag é conhecido também pois supostamente, o gigante da literatura inglesa Thomas Hardy seria um ávido frequentador do pub, e teria escrito sua novela “Jude the Obscure” (sem título em português) sobre uma Oxford fictícia, chamada Christminster.

O nome e o símbolo do pub remetem à tradição inglesa
Foto: REUTERS

Richardson disse que o grupo literário de Tolkien e Lewis, The Inklings, se encontravam regularmente no pub e era conhecido por não pagar as contas do bar, de acordo com um ex-gerente de um estabelecimento próximo.

Desde 1997, a St. John’s College usa os lucros gerados pelo pub para financiar bolsas de estudo para estudantes da graduação.

A entidade afirmou que o recebimento das bolsas não será afetado pelo fechamento do estabelecimento.

Em tuítes feitos na sexta-feira (22), a legisladora do partido Democrata Liberal, Layla Moran, pediu que o governo apoiasse o The Lamb and Flag e outros locais históricos para que possam sobreviver ao momento da pandemia.