Itália terá lockdown nacional durante a Páscoa

Governo luta para conter um novo aumento de casos de coronavírus e hospitalizações

Reuters
12 de março de 2021 às 08:21 | Atualizado 12 de março de 2021 às 22:03

 A Itália será colocada sob um lockdown nacional no fim de semana da Páscoa, de acordo um projeto de decreto o qual a Reuters teve acesso nesta sexta-feira (12), enquanto o governo luta para conter um novo aumento de casos de coronavírus e hospitalizações.

As lojas não essenciais estarão fechadas em todo o país de 3 a 5 de abril. Nesses dias, os italianos só poderão deixar suas casas por motivos de trabalho, saúde ou emergência.

O projeto de decreto também prega que a partir de segunda-feira (15) as medidas serão reforçadas nas regiões "amarelas" de baixo risco do país, onde o movimento entre as cidades será severamente limitado e restaurantes e bares serão fechados.

Rua vazia em Sorrento, na Itália, durante pandemia da Covid-19
Foto: Ciro De Luca/File Photo/Reuters

Junto com medidas nacionais, a Itália reavalia as restrições em suas 20 regiões de acordo com um sistema codificado por cores de quatro camadas (branco, amarelo, laranja e vermelho) com base nos níveis de infecção e revisado a cada semana.

O decreto deve ser aprovado ainda nesta sexta-feira.