Por que o Príncipe Philip nunca recebeu o título de rei

Pela lógica da monarquia, o rei é considerado acima da rainha em importância, então um rei fora da linhagem significaria uma mudança na linhagem do trono real

Da CNN, em São Paulo
09 de abril de 2021 às 17:02 | Atualizado 09 de abril de 2021 às 17:06

Mesmo tendo sido casado com a rainha da Inglaterra por mais de 73 anos, o príncipe Philip nunca foi rei, mas sim príncipe consorte, nome dado ao cônjuge da rainha que é da linhagem direta ao trono.

A razão de Philip nunca ter sido rei vem de algumas gerações antes da sua, quando a Rainha Anne assumiu o trono britânico e como forma de “proteger” a linhagem, a família Windsor decidiu que se um homem casa com a rainha, ele é impedido de receber o título de rei.

Pela lógica da monarquia, o rei é considerado acima da rainha em importância, então um rei fora da linhagem significaria uma mudança na linhagem trono real -- Philip seria a maior autoridade e não Elizabeth, que é a herdeira do trono. Como maneira de proteger a linhagem dos Windsor, ficou proibido o uso do título de rei para pessoas de fora da linhagem.

Philip com Elizabeth no casamento deles, em 1947
Philip com Elizabeth no casamento deles, em 1947
Foto: Topical Press Agency/Getty Images

Publicado por Guilherme Venaglia