Peru: ex-chefes de Estado pedem para esperar a conclusão do processo eleitoral

Em carta, 22 ex-mandatários pedem que Keiko Fujimori e Pedro Castillo contribuam com suas lideranças para sustentar a paz

Da CNN em Espanhol
11 de junho de 2021 às 12:54 | Atualizado 11 de junho de 2021 às 12:58
O candidato à presidência do Peru, Pedro Castillo
O candidato à presidência do Peru, Pedro Castillo
Foto: Sebastian Castañeda/Getty Images

A Iniciativa Democrática da Espanha e das Américas (IDEA) informou nesta quinta-feira (11) por meio de nota que 22 ex-chefes de Estado pedem para esperar que as autoridades eleitorais decidam quem é o presidente eleito do Peru.

A carta assinada pelos ex-mandatários da região aconselha Keiko Fujimori e Pedro Castillo a contribuírem para manter a paz e que ambos os partidos esperem que os órgãos emitam a resolução final sobre quem ganhou as eleições presidenciais.

 “Aconselhamos que ambos os candidatos contribuam com suas lideranças para sustentar a paz e aguardar que os órgãos constitucionalmente competentes emitam sua resolução final”, diz o comunicado.

Assinaram o documento os ex-presidentes mexicanos Felipe Calderón e Vicente Fox; os ex-presidentes da Colômbia Andrés Pastrana e Álvaro Uribe; e o ex-presidente da Argentina Mauricio Macri, entre outros.

Veja a declaração completa aqui.

(Texto traduzido. Leia o original em espanhol aqui).