Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Ataque russo em Kharkiv destrói cafeteria, danifica prédio e deixa dez feridos

    Motorista de trólebus teve as duas pernas amputadas

    Rússia ataca cafeteria em Kharkiv e deixa dez feridos
    Rússia ataca cafeteria em Kharkiv e deixa dez feridos Reuters

    Max Hunderda Reuters

    Um ataque aéreo russo na cidade de Kharkiv, no nordeste da Ucrânia, destruiu uma cafeteria nesta quarta-feira (22), danificou um edifício residencial próximo e incendiou um posto de gasolina.

    Autoridades locais disseram que dez pessoas ficaram feridas, pelo menos uma gravemente.

    “Fiquei sem nada”, disse o empresário Vahe Ohandzhanian à Reuters nas ruínas de sua cafeteria, que teve um grande pedaço arrancado pela explosão, espalhando painéis de ferro e tijolos a dezenas de metros de distância.

    Um prédio de 12 andares do outro lado da estrada teve quase todas as janelas quebradas. A cerca de 50 metros de distância, um trólebus verde também teve todas as janelas quebradas e a parte traseira coberta por uma grande quantidade de sangue, que se acumulou em uma poça no asfalto.

    Promotores regionais afirmaram que o motorista do trólebus teve ambas as pernas amputadas. A Rússia usou uma bomba guiada UMPB D-30 lançada da região de fronteira de Belgorod, acrescentaram as autoridades no Telegram.

    Outras três pessoas foram hospitalizadas, segundo o governador regional Oleh Syniehubov.

    A região de Kharkiv, a segunda maior cidade da Ucrânia, têm sido alvo de ataques russos desde o início da guerra, em 2022.

    Os ataques se tornaram muito mais intensos nos últimos meses, atingindo infraestruturas civis e de energia.

    Moscou nega ter alvejado deliberadamente civis, mas milhares de pessoas foram mortas e feridas na invasão da Ucrânia, que já dura 27 meses.